Encontrar amigos mac

Descendo para a Toca do Coelho: Um Guia Refinado para as Teorias, Análises, etc de ASOIAF para se Perder Durante a Quarentena

2020.08.15 19:01 HoBaLoy Descendo para a Toca do Coelho: Um Guia Refinado para as Teorias, Análises, etc de ASOIAF para se Perder Durante a Quarentena

Traduzido diretamente do Guia elaborado por u/BryndenBFish
Aviso: contém trocadilhos e piadas que são mais engraçadas para americanos.
Aviso 2: Contém pequenas modificações para a tradução ficar condizente.
Aviso 3: Contém MASSIVA quantidade de SPOILERS. E, sendo uma tradução, a imensa maioria está em inglês com poucas exceções que já tivemos aqui no Valiria
Descendo para a Toca do Coelho: Um Guia Refinado para as Teorias, Análises, etc de ASOIAF para se Perder Durante a Quarentena
Introdução
Então, você está sentado em casa assistindo novamente The Office pela nona vez na Netflix, tentando se convencer de que foi a maior comédia de todos os tempos (não era). Entre mordidas em Cheetos rançosos de duas semanas, você abre seu celular flip da Motorola, toca no botão do navegador, aguarda 3 minutos para que o aplicativo seja iniciado, digita "Teorias das Crônicas de Gelo e Fogo" no buscador e espera outros 6 minutos para a página carregar e violá, você está dentro.
Mas espere! Há muitas para escolher? Quais são boas?
E é aí que eu entro. Estou aqui para ajudá-lo a se perder.
Embora eu seja um co-apresentador de um podcast e tenha participado de vídeos do YouTube de vez em quando, estou fazendo deste um post somente escrito. (Sinta-se à vontade para postar no youtube ou podcast ou sei lá o quê!) Portanto, nesta lista cultivada de teorias de análises ESCRITAS, APENAS PARA LIVROS, etc, listarei textos que me deliciei ao longo dos anos e espero mantê-los entretidos durante nossos problemas atuais.
ANÁLISE
Meta: Como GRRM escreve ASOIAF
Uma Crônica de Fatos e Números: análise detalhada de / u / werthead de como cada livro no ASOIAF foi escrito com informações básicas do processo de escrita, contagem de palavras, etc:
AGOT a-song-of-facts-and-figures-game-of.html
ACOK a-song-of-facts-and-figures-clash-of.html
ASOS a-song-of-facts-and-figures-storm-of.html
AFFC a-song-of-facts-and-figures-feast-for.html
ADWD a-song-of-facts-and-figures-dance-with.html
Não quero promover meu próprio trabalho, mas escrevi bastante sobre metatópicos que podem ser do interesse de alguns de vocês. Vou criar um link para alguns deles abaixo:
Como o sucesso de GAME OF THRONES provavelmente contribuiu para a espera de OS VENTOS DE INVERNO spoilers_extended_meta_how_the_success_of_game_of/
Como uma virada sombria no POV favorito de GRRM contribuiu para a longa espera por ADWDspoilers_extended_meta_how_a_dark_turn_in_grrms/
A história que GRRM originalmente queria contar: examinando os presságios do GRRM no contexto da lacuna de cinco anosspoilers_extended_the_story_grrm_originally/
Uma teoria sobre por que GRRM pensou que poderia terminar TWOW em 2015spoilers_extended_meta_a_theory_on_why_grrm/
Uma análise e exploração do nó meereenêsspoilers_all_an_analysis_exploration_of_grrms/
Como uma profecia em ADWD foi alterada por GRRM antes do lançamento, e o que isso poderia significar para a análise de TWOW: / u / indianthane95 de como uma leitura GRRM de ADWD, Daenerys III em 2005 foi editada antes do livro ser publicado e por quê.spoilers_all_how_a_prophecy_in_adwd_was_changed/
A carta de 1993 nos mostra GRRM foreshadowing que ele mais tarde abandonou: / u / feldman10 a análise da carta de apresentação de 1993 e como GRRM mudou seus principais foreshadowings quando publicou AGOT três anos depoisspoilers_all_the_1993_letter_shows_us_some_grrm/
Na luz do sol, sem culpagrrms-thinly-veiled-gone-with-the-wind-obsession
A linha descartável em AGOT que sugere o ultimato: / u / zionius_ teoria que Daniel Abraham foi instruído por GRRM a manter nos quadrinhos, pois tem ramificações do "final”.spoilers_extended_the_throwaway_line_in_agot_that/
The ASOIAF Archives Series: / u / jen_snow análises magistrais de todas as maneiras como os capítulos base foram alterados antes de sua publicação.spoilers_extended_asoiaf_archives_september_2000/
Como GRRM reescreve ASOIAF: visão detalhada de / u / zionius_ sobre as reescritas de ASOIAF por GRRM com foco especial em AFFC / ADWD.how_grrm_rewrites_comparing_affc_draft_chapters/
Análises Narrativas
Um guia completo para a sucessão Westerosi por / u / galanix: um dos recursos mais úteis para tentar determinar quem é o próximo a realeza / senhorio / o que quer que seja.spoilers_all_complete_guide_to_westerosi/
O Meereenese Blot forneceu as melhores defesas da escrita de GRRM dos arcos de personagens de Dany, Jon, Tyrion e enredos Dorneses em AFFC / ADWD. Escrito entre 2013 e 2014 por / u / feldman 10, estou incluindo-os nesta seção como o foco no valor narrativo desses personagens POV
Desembaraçando o nó meereenês: Dany
Parte 1: Quem envenenou os gafanhotos?untangling-the-meereenese-knot-part-i-who-poisoned-the-locusts/
Parte 2: A paz era realuntangling-the-meereenese-knot-part-ii-the-peace-was-real/
Parte 3: A luta de Dany consigo mesmauntangling-the-meereenese-knot-part-iii-danys-struggle-with-herself/
Parte 4: Uma Daenerys Sombriauntangling-the-meereenese-knot-part-iv-a-darker-daenerys/
Parte 5: Hizdahr e Paz ou Daario e Guerrauntangling-the-meereenese-knot-part-v-hizdahr-and-peace-or-daario-and-wa
Outras Guerras: Jon
Parte 1: O Coração Nobre e o Maior Dever de Jonother-wars-part-i-jons-noble-heart-and-greater-duty/
Parte 2: Apoio de Jon a Stannisother-wars-part-ii-jons-support-for-stannis/
Parte 3: A Missão de Manceother-wars-part-iii-the-mance-mission/
Parte 4: Pessoas Querendo Ajuda: Alys Karstark e a Missão Hardhomeothers-wars-part-iv-people-wanting-help/
Parte 5: A Paz, a Carta Rosa e o Discurso do Salão dos Escudosother-wars-part-v-the-peace-the-pink-letter-and-the-shieldhall-speech/
Parte 6: Três perguntas sobre o futuro de Jonother-wars-part-vi-three-questions-about-jons-future/
Pagando Suas Dívidas: Tyrion
Parte 1: Tyrion em Porto Realpaying-his-debts-part-i-tyrion-in-kings-landing/
Parte 2: Sofrimentos, Prostitutas e um Jogo de Cyvassepaying-his-debts-part-ii-sorrows-whores-and-a-game-of-cyvasse/
Parte 3: Tyrion e Pennypaying-his-debts-part-iii-tyrion-and-penny/
Jardins de Água e laranjas sanguíneas: Dorne
Parte 1: A Víbora e a Gramawater-gardens-and-blood-oranges-part-i-the-viper-and-the-grass/
Parte 2: Ambições de Ariannewater-gardens-and-blood-oranges-part-ii-ariannes-ambitions/
Parte 3: Dever e Destino de Quentynwater-gardens-and-blood-oranges-part-iii-quentyns-duty-and-destiny/
Parte 4: Termina em Sanguewater-gardens-and-blood-oranges-part-iv-it-ends-in-blood/
A última tentação de Jon Snow: nesta série de duas partes, / u / MaesterMerry analisa o mandato de Jon Snow como Senhor Comandante da Patrulha da Noite, prestando atenção especial à narrativa e às lutas filosóficas do mundo real que GRRM escreve na história de Jon em ADWD
Parte 1: Matando o Meninohttps://upfromunderwinterfell.wordpress.com/2019/06/15/the-last-temptation-of-lord-commander-snow-part-1-killing-the-boy/
Parte 2: A escolhahttps://upfromunderwinterfell.wordpress.com/2020/02/05/the-last-temptation-of-lord-commander-snow-part-2-the-choosing/
Sansa, Jeyne, Theon: Saber seu nome: A especulação de/ u / Zombie-Bait sobre a repetição de temáticas em TWOW e como Sansa irá emular Cat em TWOW para os Senhores do Vale.https://liesandarbor.wordpress.com/2018/12/04/sansa-jeyne-and-theon-you-have-to-know-your-name/
Momentos de Arranhão de Disco: GRRM e Misdirection: Como GRRM confunde seus leitores com misdirection com uma súbita sacudida na narrativaspoilers_extended_record_scratch_moments_grrm_and/
Clube das Donzelas Mortas: Uma análise crítica de como GRRM usa as mortes de mulheres e mães, em particular na ASOIAFhttps://joannalannister.tumblr.com/post/162408885186/the-dead-ladies-club
Milhões de pêssegos, pêssegos para mim: análise de / u / fat_walda de como os alimentos são usados ​​na ASOIAF para iluminar temas e a divisão socialspoilers_all_millions_of_peaches_peaches_for_me/
Memórias de Limão, ou Lemories, ou Como eu Aprendi a parar de ingerir papel laminado e compreender ASOIAF: reflexão de / u / jonestony710 sobre como ele começou a pensar “através do papel alumínio” no que se refere à Casa com a Porta Vermelhaspoilers_extended_lemon_memories_or_lemories_o
São lobos que pretendo caçar: Matt do podcast Davos Fingers rastreia todas as conspirações Frey / Bolton / Lannister para chegar ao Casamento Vermelhohttps://davosfingers.tumblr.com/post/146273054899/it-is-wolves-i-mean-to-hunt-the-motivations-of
Análises Políticas / Legais
Coroas ocas e espinhos mortais - Parte IV: Renly e Stannis: Esta série inteira de Steven Attewell foi excelente, mas este ensaio é o “crème de la crème”. Nele, Attewell analisa as concepções e visões de Renly & Stannis sobre a realeza.https://towerofthehand.com/blog/2013/06/17-hollow-crowns-deadly-thrones/index.html
Mãos do Rei: / u / vikingkingq dá uma olhada nas mãos de várias Mãos do Rei na ASOIAF:
Os primeiros Mãoshttps://towerofthehand.com/blog/2012/04/17-hand-of-king-early-hands/index.html
Mãos em crise (Bloodraven e Baelor Quebra-Lanças)https://towerofthehand.com/blog/2012/04/24-hands-of-king-hand-in-crisis/index.html
Tywin, o Grande?https://towerofthehand.com/blog/2012/05/22-hands-of-king-tywin-great/index.html
Os homens honestos (Jon Arryn e Ned Stark)https://towerofthehand.com/blog/2012/10/23-hands-of-king-two-honest-men/index.html
Tyrion Lannisterhttps://towerofthehand.com/blog/2012/12/12-hands-of-king-tyrion/index.html
Em uma série de ensaios que examinam as leis e costumes de Westeros, / u / LawsOfIceAndFire desconstrói a estrutura legal do reino
Governe o reino (meninas): Uma Análise do Grande Conselho de 101https://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/04/10/rule-the-realm-girls/
O fim de Game of Thrones e o enigma da sombra de Varys: O enigma de Varys no contexto da série e dos livroshttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/05/09/power-resides-where-men-believe-it-resides-but-which-men/
O grande não varrida de Tyrion Lannister com a Justiça Criminal de Westerosihttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/07/12/tyrion-lannisters-not-great-interactions-with-westerosi-criminal-justice/
Oferta, aceitação, pão e sal: uma análise jurídica do contrato de direito de hóspede: Direito de Hóspede, como funciona, costumes, o que acontece quando foi violadohttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2019/09/16/bread-and-salt-offer-and-acceptance-a-legal-analysis-of-the-guest-right-contract/
Por que não deveríamos nos governar novamente? - Westeros e o contrato socialhttps://lawsoficeandfire.wordpress.com/2020/01/29/why-shouldnt-we-rule-ourselves-again-westeros-and-the-social-contract/
O gênio financeiro de Mindinho, de / u / Militant_Penguin, sobre como Mindinho está negando suas perdas financeiras no Vale em AFFC.spoilers_affc_the_financial_genius_of_littlefinge
Análise Geográfica / Regional / Casas / Diversos
Uma ordem dos sussurros, uma cidade dos segredos: Uma Análise de Braavos, o Banco de Ferro e os Homens Sem Rostohttps://upfromunderwinterfell.wordpress.com/2018/03/16/an-order-of-whispers-a-city-of-secrets/
O lado escuro dos Portões da Lua: / u / Zombie-Bait examina o Vale na História e em TWOWhttps://liesandarbor.wordpress.com/2018/12/04/the-dark-side-of-the-moon-doo
Fosso Cailin, Fosso de Problemas: análise de / u / bookshelfstud de Fosso Cailin como um cenário em ASOIAF e o que está reservado para TWOWspoilers_extended_moat_cailin_moat_problems_a/
A ascensão e queda da casa Velaryon: / u / bookshelfstud's análise de como uma das casas históricas mais poderosas de Westeros perdeu seu poder na época do AGOThttps://offmichaelsbookshelf.wordpress.com/2015/06/23/high-tide-the-rise-and-fall-of-house-velaryon/
Como o Cão foi armado: uma reflexão sobre a arte e a armadura da Idade Média: análise de / u / fat_walda sobre a armadura de Sandor Clegane e como ela se compara à armadura medieval realspoilers_main_how_the_hound_was_helmed_an/
Escamagris em ASOIAFhttps://justadram.tumblr.com/post/57454498995/meta-monday-greyscale
Água, água, em todos os lugares: análise de / u / mightyisobel da água e como GRRM escreve belas cenas de água em toda ASOIAF (mas especialmente em AFFC) e o que isso significaspoilers_affc_water_water_everywhere/
Os mapas de ASOIAF: / u / werthead's um olhar para a geografia de Planetos com extensa análise de como a geografia do mundo foi criadahttps://atlasoficeandfireblog.wordpress.com/page/16/
Filhos Targaryen + não Targaryen sempre favorecem o pai não Targ: Uma teoria que pode ter influenciado GRRM a mudar a cor do cabelo da Princesa Rhaenys.targaryen-non-targaryen-children-always-favor-the-non-targ-parent/
Análise de Personagem
Meu co-apresentador de podcast e amigo / u / poorquentyn fez algumas das melhores análises de personagens POV em ADWD. Vou criar um link para todos eles aqui:
Tyrion em ADWDhttps://poorquentyn.tumblr.com/tagged/tyrion-in-adwd/chrono
Davos em ADWDhttps://poorquentyn.tumblr.com/tagged/davos-in-adwd/chrono
Quentyn em ADWDquentyn-in-adwd/chrono
De Peão a Jogador: Repensando Sansa: Leitura incrivelmente detalhada do enredo de Sansa com toneladas e toneladas de análises - tanto literárias quanto in-story.from-pawn-to-player-rethinking-sansa-xxi/
Tantos votos: juramentos em conflito: / u / somethinglikealawyer excelente análise e ensaio sobre a Torre da Mão e sobre como GRRM usa juramentos como um veículo para conflito pessoal e nacional em ASOIAFso-many-vows-oaths-in-conflict/index.html
Filha da Morte: As Crônicas de Gelo e Fogo, o Herói Trágico Shakespeariano Análise de / u / glass_table_girl sobre os temas de Shakespeare da história de Daenerys Targaryen e por que isso significará sua morte nos livrosdaughter-of-death-a-song-of-ice-and-fires-shakespearean-tragic-hero/
Vocês não são as pedras, mas os homens: Ned Stark e Brutus: O olhar de ShakesOfThrones sobre as comparações entre Gaius Brutus e Ned Starkyou-are-not-stones-but-men-ned-and-brutus/
Stannis Baratheon: MacBeth Revisited: Análise de ShakesOfThrones de Stannis Baratheon, comparando-o à figura shakespeariana de MacBethstannis-baratheon-macbeth-revisited/
Herói com Mil Faces: Os Mentores de Jon Snow, Parte 1: O Lobo Quieto: / u / housemollohan dá início a uma série sobre os mentores de Jon com uma análise do relacionamento de Jon com seu pai Ned Stark.spoilers_extended_the_hero_with_a_thousand/?utm_source=share&utm_medium=ios_app&utm_name=iossmf
Ben Mulato Plumm: mau jogador de Cyvasse, pior poker face: / u / SerDonalPeaseburyspoilers_extended_brown_ben_plumm_bad_cyvasse/
Uma estrela cadente em Westeros por / u / Zombie-Bait: Analisa Ashara na história: quem era ela, o que ela queria, ela está viva?a-falling-star-in-westeros-pti-analyzing-ashara-dayne/
Sansa e a boa rainha Alysanne: / u / Zombie-Bait compara a Eleanor de Aquitânia "Histórica" ​​e "Moderna" em ASOIAF.sansa-and-good-queen-alysanne/
Misericórdia, misericórdia, misericórdia: explorando os enredos de Arya, Sansa e Sandor: / u / Zombie-Bait explora os temas de personagens paralelos e dispositivos de narração de histórias que GRRM usa para Arya, Sansa e Sandor.mercy-mercy-mercy-sansa-sandor-and-arya/
Senhora Catelyn: o vazio da Coração de Pedra: / u / Zombie-Bait dá uma olhada detalhada em quem Catelyn Stark é antes e depois de se tornar Senhora Coração de Pedralady-catelyn-the-stone-hearted-emptiness/
O valor da prata: rainhas e moedas - ou "Como a história de Daenerys se parece com a origem de seu nome": análise de / u / glass_table_girl do nome de Dany e uma moeda romana para a qual GRRM pode ter chamado a atençãospoilers_all_the_value_of_silver_queens_and_coins/
A conexão de Papel Alumínio: Por que não devemos confiar em Marwyn: análise crítica de / u / bookshelfstud sobre Marwyn, o Mago, e como ele pode ser um loucothe-tinfoil-link-dont-trust-marwyn/
Perseguindo o Dragão, Parte 1: Analisando um Alquimista: / u / 4187021 a análise abrangente do que o alquimista está fazendo em Vilavelha.chasing-the-dragon-part-1-analyzing-an-alchemist/
Análise Militar
Estratégias de guerra em Westeros por Ken Mondschein: Uma análise aprofundada das Táticas de Guerra Westerosi e como ela se compara à história militar medieval na Europa Ocidental.strategies-of-war-in-westeros/
Muitos anos atrás, escrevi vários ensaios sobre os vários comandantes da ASOIAF. Você pode encontrá-los abaixo:
Robb Starka-complete-analysis-of-robb-stark-as-a-military-commande
Stannis Baratheona-complete-analysis-of-stannis-baratheon-as-a-military-commande
Jaime Lannisterthe-evolution-of-jaime-lannister-as-a-military-commande
Daenerys Targaryena-complete-analysis-of-the-slavers-bay-campaign/
Tywin Lannister:
Parte 1: a lealdade não é opcional até que sejawins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-1-loyalty-isnt-optional-until-it-is/
Parte 2: O Senhor Orgulhosowins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-2-the-proud-lord/
Parte 3: Os frutos da derrotawins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-3-the-fruits-of-defeat/
Parte 4: Penas e Corvoswins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-part-4-quills-and-ravens/
Parte 5: Alimentando Corvoswins-and-losses-a-command-analysis-of-tywin-lannister-conclusion-feeding-crows/
A Guerra dos Cinco Reis: Análise militar de Stefan Sasse da Guerra dos Cinco Reisfivekings/index.html
TEORIAS
Teorias Gerais
Teoria Blackfyre - Teoria que Aegon VI Targaryen não é filho de Rhaegar Targaryen, mas é na verdade um pretendente Blackfyre.teoria_blackfyre/
O Rei Afogado e o Corvo Sem Rosto: Uma análise bastante convincente sobre a culpabilidade de Euron Greyjoy na morte de Balon Greyjoy.the-drowned-king-and-the-faceless-crow-complete-analysis/
A Grande Conspiração Nortenha - Teoria de que os nortenhos estão jogando Roose e Stannis um contra o outro para colocar Rickon Stark ou Jon Snow como o novo Rei do Norte.a_grande_conspira%C3%A7%C3%A3o_nortenha_parte_7/
Sandor Clegane é o Coveiro - Teoria de que Sandor Clegane não morreu e é o coveiro que Brienne encontrou na Ilha Quieta em AFFC.GravediggeTheories
Lyanna Stark é o Cavaleiro da Árvore que Ri - Teoria de que o CDAQR é Lyanna Stark que defendeu a honra de Howland Reed contra os Freys e combateu no torneiro contra os Freys.Knight_of_the_Laughing_Tree/Theories
R + L = J - O melhor artigo sobre a teoria de que Rhaegar Targaryen foi para a cama com Lyanna Stark e o fruto de sua união foi Jon Snow.https://www.reddit.com/Valiria/comments/ea8tcv/rlj/
Uma morte fria na neve: a teoria de / u / JoeMagician de que Waymar Royce foi identificado como um Stark por Craster. Os Outros aceitaram essa informação e colocaram Waymar em algum tipo de teste ritualizado de suas habilidades de esgrima e que tipo de espada ele possuía.spoilers_extended_the_killing_of_a_range
O Apocalipse Eldritch: / u / poorquentyneldritch-apocalypse/
Mil olhos e uma névoa cinzenta: teoria de que sempre que uma névoa cinza aparece nos livros, isso significa que Bloodraven e/ou Bran estão observandoa-thousand-eyes-and-one-grey-mist/
Irmã Sombria: A conexão de Meera e Arya está por vir, e como ambas irão empunhar a Irmã Sombria.https://liesandarbor.wordpress.com/2018/12/04/the-dark-sister-on-meera-and-arya/
A Pedra de Georgetta: Decifrando uma Mensagem Final A teoria do almirantekird sobre como as últimas palavras de Robert para Ned podem ser comparadas às últimas palavras de Lyanna para Ned.spoilers_all_the_georgetta_stone_deciphering_a/?utm_source=share&utm_medium=ios_app&utm_name=iossmf
Quem era o patrono de Mandon Moore: uma análise de / u / galanix em que teoriza que Mandon Moore foi apoiado por Mindinho, que disse a ele para matar Tyrion na Água Negraquem_mandou_mandon_moore_matar_tyrion/
Stannis enviou uma carta: / u / a4187021 teoria de que Stannis usa o corvo do Meistre Tybald para enviar informações falsas a Winterfell, dizendo-lhes que ele está mortospoilers_all_stannis_sent_a_lette
Teorias históricas
Ambições Sulistas - Teoria de Stefan Sasse de que os Starks, Arryns e Tullys estavam se unindo através do casamento para se opor e possivelmente depor Aerys II Targaryen. (Esta é a minha teoria ASOIAF favorita de todos os tempos)ambi%C3%A7%C3%B5es_sulistas/
A Conspiração de Harrenhall / u / KingLittlefinger: A teoria de que Rhaegar estava planejando convocar um Grande Conselho contra seu pai Aerys II no Torneio de Harrenhall em 281 AC, mas tudo deu errado
Parte 1: As Três Facçõesspoilers_everything_the_harrenhal_conspiracy_part/
Parte 2: um banquete, uma justa e uma coroathe_harrenhal_conspiracy_part_ii_a_feast_a_joust/
Parte 3: Um Rato na Masmorraspoilers_everything_the_harrenhal_conspiracy_part/
Parte 4: O Dragão e a Bruxaspoilers_everything_the_harrenhal_conspiracy_part/
S + B = M: Mel – A Estrelha Vermelha Sangrando / Melony Seastar (revisado): teoria de que Melisandre é filha de Bloodraven e Shiera Seastarspoilers_all_sbm_mel_the_red_star_bleeding_melony/
Resgate na Encruzilhada: / u / lady_gwynhyvfar a teoria de que Rhaegar Targaryen resgatou Lyanna Stark na Estalagem da Encruzilhada para evitar sua captura e assassinato por Aerys II Targaryenrescue-at-the-crossroads/
Sexto Campeão de Rhaegar: / u / jen_snow especula sobre quem foi a sexta pessoa envolvida no "sequestro" de Lyanna Stark por Rhaegar Targaryenspoilers_everything_rhaegars_six_companions/
Teorias TWOW
A Lamparina da Noite: uma teoria alternativa sobre como Stannis vai destruir os Freys em TWOW - / u / cantuse postula que Stannis usará um farol falso para atrair os Frey para a morte na Vila dos Arrendatários.lamparina_da_noite/
A Tragédia dos Três Cavaleiros: a teoria de / u / M_J_Crakehall de que Jaime exigirá um julgamento por combate e, quando o fizer, Senhora Coração de Pedra nomeará Brienne de Tarth, mas Hyle Hunt assume seu lugar como campeã por despeito pelo relacionamento de Jaime e Brienne.spoilers_extended_a_tragedy_of_three_knights/
A Dragon Dawn: Em 2014, escrevi uma série de várias partes prevendo como a Batalha de Fogo seria em TWOW. Algumas das informações estão um pouco desatualizadas (Afinal, Euron não está seguindo Victarion para Meereen), mas vou criar um link para a série abaixo
Parte 1: A tempestade se aproximaa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-1-the-gathering-storm/
Parte 2: Cidade na Bordaa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-2-city-on-the-brink/
Parte 3: Os Portões do Destinoa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-3-the-gates-of-fate/
Parte 4: A Canção do Doce Açoa-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-4-a-sweet-steel-song/
Parte 5: A Pirâmide Ardentea-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-part-5-the-burning-pyramid/
Parte 6: Fogo e Sanguea-dragon-dawn-a-complete-analysis-of-the-upcoming-battle-of-fire-conclusion-fire-and-blood/
O mercenário mais ousado de todos: / u / lady_gwynhyfvar a análise detalhada de Bem Mulato Plumm e a teoria de que Ben Mulato tentará roubar um dragão e se juntar ao Jovem Griffbrown-ben-plumm-the-boldest-sellsword-of-them-all/
Conectando os pontos na Senhora Dustin: teorias de / u / ser_dunk_the_lunk sobre o que a Senhora Dustin está tramando em Winterfell e como ela está trabalhando com Mance Rayderspoilers_all_connecting_the_dots_on_lady_dustin/
Ondulações na paisagem dos sonhos: GRRM mostra sua mão: teoria de / u / bookshelfstud de que Euron está planejando cometer um sacrifício de sangue na batalha contra a Frota Redwyne para levantar krakens spoilers_twow_ripples_in_the_dreamscape_grrm/
O Rei Ferido em Winterfell: / u / Teoria de Bookshelfstud de que Stannis Baratheon será ferido em uma de suas próximas batalhas e se tornará o rei pescador em Winterfellspoilers_extended_the_wounded_king_of_winterfell/
O Retorno do Lobo Branco: A análise intensiva de / u / bookshelfstud de como o personagem de Jon Snow retornará como em TWOW pós-morte.return-of-the-white-wolf-jon-is-coming-back/
Vou Encontrar Outro e o Casamento Vermelho 2.0: / u / indianthane95 nos mostra como Coração de Pedra está planejando um segundo Casamento Vermelho contra os Freys e Lannistersspoilers_all_ill_find_another_and_the_rw_20/
Teoria do Prólogo de TWOW: O Homem Silencioso: teoria de / u / feldman10 de que Ser Ilyn Payne será o ponto de vista do Prólogo para TWOWspoilers_extended_twow_prologue_theory_the_silent/
Teorias mágicas
Sob a estrela sangrenta: A fantástica análise de Stefan Sasse sobre o papel da profecia e da magia na ASOIAF.20-under-bleeding-sta
O inferno é real: / u / JoeMagician's teoria de que os valirianos usam a magia do fogo para criar criaturas do fogo como escravos eternos sem memória, o que fez com que os homens sem rosto se levantassem para acabar com elesspoilers_extended_hell_is_for_real_the_fourteen/
Origens do dragão: / u / CrowfoodsDaughter, a teoria de que os dragões se originaram no Grande Império do Amanhecer.153592-dragon-origins-part-i/&tab=comments#comment-8323214
No lado mais leve
Como seria se todas as teorias da ASOIAF se tornassem verdadeiras?spoilers_published_what_would_asoiaf_be_like_if/cjd15oh/
Desenhe sua cena favorita no ASOIAF com o MS Paintspoilers_main_draw_your_favorite_scene_in_ms_paint/
O membro de Tormund e a questão da percepção de escala em Westeros .: / u / fat_walda avaliação de quão grande o pau de Tormund Giantsbane realmente éspoilers_all_tormunds_member_and_the_issue_of/
Conclusão
Espero que vocês considerem tal tópico útil.
submitted by HoBaLoy to Valiria [link] [comments]


2020.08.07 04:24 YatoToshiro Fate/Gensokyo #49 Saber of Red (Fate/Grand Order) Parte 2


https://preview.redd.it/cgjgskwklhf51.png?width=5000&format=png&auto=webp&s=e412088494be7f98ae0232ab947550b3f8077b2d
Londres: O Mundo da Morte na Cidade do Nevoeiro Demoníaco
Materializando-se do nevoeiro demoníaco, Mordred logo se encontrou e fez uma parceria com Henry Jekyll para salvar Londres, com ela fazendo o trabalho de campo. Antes da chegada de Caldéia, o casal descobriu que o Museu Britânico, que serve como entrada da Torre do Relógio, foi destruído pelos criadores do nevoeiro, o Projeto Demonic Fog, para remover qualquer oposição.
Mais tarde, ela confronta Ritsuka Fujimaru e Mash Kyrielight ao ver que podem respirar no nevoeiro, perguntando se são amigos ou inimigos. Eles não respondem, mas ela os acha inofensivos. Ela adverte a seguir em frente se eles valorizam suas vidas antes de partir. Ela fica de olho no par e as testemunha destruir um Helter Skelter. Ela interpõe durante a análise de Romani Archaman dos golens mecânicos para informá-lo de seu nome. Ela conclui que Ritsuka e Mash não são inimigos e concorda em contar a eles sobre Londres.
Ela os leva ao apartamento de Jekyll, onde ele a repreende por se apresentar com seu nome verdadeiro. Ela o ignora, já que eles não estão em uma guerra normal do Santo Graal. Eles então explicam a Ritsuka e Mash como se tornaram parceiros quando o Nevoeiro Demoníaco desceu sobre Londres. Depois que Jekyll explica as circunstâncias de Londres, ele envia Ritsuka, Mash e Mordred para proteger um de seus colaboradores, Victor Frankenstein.
Saindo do apartamento, Mordred fica desanimado e deixa quando acaba de voltar. Enquanto leva Ritsuka e Mash à mansão de Victor, ela explica como Jekyll tem colaboradores por toda a cidade e conversa diariamente com eles via rádio. Mash logo pergunta a ela sobre suas motivações para lutar por Londres. Mordred responde que ela está aqui para enfrentar os perigos do amado Londinium de seu pai., Como ela disse antes. Ela então confessa que é porque ela não violou o britânico quando Mash suspeita que havia outro motivo. O grupo finalmente chega à mansão do Victor. Mordred explica que Victor é um mago genuíno, ao contrário de Jekyll, então sua guarnição é protegida por barreiras e armadilhas capazes de prejudicar Servos. Ela se lembra de ter tido uma experiência ruim quando checou a mansão pela primeira vez. Mefistófeles então sai das mansões, e Mordred suspeita corretamente que ele matou Victor. Depois de matá-lo, o grupo vasculha a mansão e encontra uma nota em sua biblioteca detalhando uma trama chamada Project Demonic Fog. Os líderes do projeto são "P", "B" e "M", que Victor suspeitava serem Espíritos Heroicos. Mordred então mostra Ritsuka e Mash Frankenstein, que ela encontrou anteriormente. Como os outros, ela não pode dizer se Frankenstein é um Servo ou não, suspeitando que o Nevoeiro Demoníaco esteja interferindo. Ela então explica que é um humano artificial construído pelo avô de Victor, de acordo com a nota em seu caixão. Frankenstein revela que ela ainda está viva. O grupo então a leva para o apartamento de Jekyll.
De volta ao apartamento, Mordred exige que Jekyll se desculpe com Frankenstein por incomodá-la por tocá-la durante sua inspeção. Ela concorda com Mash que Frankenstein aceita as desculpas de Jekyll se ele entendeu o desconforto dela. Ela então ameaça matá-lo quando ele se pergunta se ela e Mash podem entender Frankenstein porque são do mesmo sexo. Jekyll então envia o acordo do grupo com um Tomo Mágico que está entrando em prédios e atacando civis.
Deixando Frankenstein para trás, Mordred lembra-se de lutar contra Espécies Fantasmas, pois os Cavaleiros da Távola Redonda eram uma das expectativas que podem matar fantasmas. Ela também lembra os pictos, comparando-os com alienígenas em contraste com os outros bárbaros. Ela então luta com Mash para endurecer sua determinação. Jekyll finalmente entra em contato com o grupo para informar que o Tomo Mágico está colocando suas vítimas em um sono sem fim. Mordred se pergunta se é feito por magia ou droga, embora nenhum deles deva ser afetado graças a Ritsuka sendo protegida pela Habilidade de Resistência a Venenos (Temporária), e Mordred sendo principalmente protegido por sua Resistência Mágica. Jekyll então os direciona para uma livraria de antiguidades no Soho, onde um de seus informantes deveria estar. Lá eles encontram Hans Christian Andersen, e ele informa que o Tomo está no escritório ao lado. Decidindo que é muito perigoso lutar dentro de casa, o grupo o atrai para fora. Seus ataques são inúteis quando Andersen revela que é um Servo Vadio colocando as pessoas em um sonho em busca de um Mestre cuja psique possa tomar forma. Ele o chama de Nursery Rhyme, transformando-o em uma garota chamada Alice. Depois de derrotá-la, o grupo retorna ao apartamento de Jekyll, agora acompanhado por Andersen.
Jekyll diz ao grupo que a Scotland Yard está sob ataque de Jack, o Estripador. Mordred lembra como eles lutaram várias vezes, mas ela não se lembra de sua aparência ou habilidades. Antes de sair com Ritsuka e Mash, ela pergunta a Andersen se ele facilita Jack a derrotar, como fez com Nursery Rhyme. Andersen responde que Nursery Rhyme foi uma exceção, então Mordred sai irritado com ele. O grupo finalmente chega à Scotland Yard para encontrar Jack que já massacrou a estação sob ordens de "P" para que ele pudesse recuperar um item mágico. Eles matam Jack, mas "P" se teletransporta de volta para seus compatriotas.
De volta ao apartamento, o grupo aprende com Andersen que os Servos estão se materializando com o nevoeiro. Como Servo não pode ser convocado com a influência do Graal, ele suspeita que o nevoeiro tenha sido criado pelo Graal. Mordred então patrulha, então Ritsuka e Mash se juntam a ela. Ela lembra que ainda não encontrou grupos de Helter Skelter, que é o único inimigo que ela gosta de lutar. Ela também espera que eles encontrem oponentes dignos hoje à noite. O grupo logo conhece William Shakespeare, que recentemente se materializou da neblina. Mordred contempla por que alguns servos do nevoeiro são hostis quando "P" chega. Ele admite que seu grupo tem procurado os Servos que se materializaram da neblina e os manipularam para expandir a neblina. Ele revela que seu nome verdadeiro é Paracelsus von Hohenheim e luta contra o grupo. Depois de matar Paracelso, o grupo retorna ao apartamento de Jekyll, acompanhado por Shakespeare.
Na manhã seguinte, Ritsuka, Mash e Mordred estão em patrulha. Eles finalmente retornam ao apartamento para descansar um pouco. Eles relatam a Jekyll sobre a produção em massa de Helter Skelters. Ele suspeita que o Projeto Demonic Fog está aumentando seus esforços para conseguir mais Servos do nevoeiro após a morte de Paracelso. Mordred diz a Ritsuka e Mash para conversar com Andersen e Shakespeare até que sua curiosidade seja satisfeita. Ela então diz que eles precisam desativar os Helter Skelters. Andersen então pede que eles recuperem dados da Torre do Relógio para provar sua teoria sobre a Guerra do Santo Graal. No entanto, Mordred e Jekyll revelam sua entrada, o Museu Britânico, foi destruído antes da chegada da Caldéia. No entanto, o chefe do grupo juntou-se a Andersen, Shakespear e Jekyll para surpresa de Mordred.
Chegando ao Museu, o grupo vasculha seus escombros para encontrar a entrada subterrânea da Torre do Relógio. Eles o encontram e vão para baixo para encontrar os magos mortos. Eles logo se deparam com uma porta da biblioteca protegida, então Andersen e Jekyll investigam dentro enquanto os outros guardam a porta. Os feitiços nos livros impedem que eles saiam com eles, então os outros devem defendê-los até Andersen obter as informações que ele procura. Jekyll se transforma em Hyde para ajudá-los a lutar. Andersen finalmente encontra os dados que procurava, então o grupo retorna ao apartamento.
De volta ao apartamento, Andersen revela que o Ritual de Convocação de Servos foi adaptado de um que convoca sete dos espíritos heroicos mais fortes para combater um inimigo poderoso. Ele suspeita que alguém tenha previsto a vinda do grupo e colocou as informações sobre o ritual para encontrar. Mordred acha que nada disso ajudará contra a produção em massa dos Helter Skelters. De repente, o apartamento é atacado por um grupo de Helter Skelters. Depois de expulsá-los, Romani informa ao grupo que os robôs foram criados a partir de um nobre fantasma. Ele também revela que eles são controlados remotamente pelo Servo que os chamou, o que significa que desaparecerão se o Servo for morto. Enquanto o grupo pondera a localização da Serva, Frankenstein revela que ela sabe onde elas estão.
Enquanto Frankenstein lidera o grupo, Mordred pergunta a Ritsuka se Romani (chamando-o de Dr. Maron) pode fazer um cristal que enxerga longe, dizendo que seria fácil para Merlin. Ela está bastante satisfeita que Ritsuka não saiba sobre Merlin, acreditando que a perda da fama é o que ele merece. Ela sabe que ele está preso em sua torre em Avalon e lembra que ele era um bastardo voador. Ela então diz a Ritsuka para conversar com Mash, percebendo que ela parece deprimida. Mash confessa que é porque ela ainda não pode usar seu verdadeiro Noble Phantasm, mas Mordred diz que ela é diferente daquele bastardo do escudo. Ela diz que é mais forte que ele, só que fica aquém no que diz respeito ao Noble Phantasm. Ela diz que Ritsuka é o parceiro perfeito para Mash e diz que eles precisam se tornar um mestre de primeira classe para ser um servo de pleno direito. [23] O grupo finalmente chega às Casas do Parlamento, onde são atacados por um grupo de Helter Skelters comandado por um grande grupo. Mordred protege Frankenstein enquanto Ritsuka e Mash lutam com os Helter Skelters. Com a destruição do grande, os outros Helter Skelters de repente se enfrentam. Mash então tira fotos do grande Helter Skelter, a pedido de Romani. Ela percebe o nome do fabricante, ausente dos outros, que diz "Charles Babbage, 1888 dC".
Na manhã seguinte, Jekyll diz ao grupo que Charles Babbage está vivo, apesar dos registros históricos da Caldéia dizendo que ele deveria estar morto agora. Romani atribui isso às distorções criadas pela Singularidade, resultando na mudança de eventos. Assim, os mortos ainda vivem e não existem como Espíritos Heroicos, como Jekyll e Frankenstein. Jekyll revela que os Helter Skelters que foram completamente desligados foram todos reativados. O grupo sai para derrotar aquele que controla os Helter Skelters.
Eles seguem a liderança de Frankenstein novamente, mas Mordred logo suspeita que os esteja enganando dessa vez. Frankenstein admite que não acredita que Babbage esteja construindo os Helter Skelters para machucar os outros. Mordred a convence a levá-los até ele, dizendo que suas ações agora contradizem a crença dela em sua boa natureza. Ela os leva a Babbage, que revela que ele é "B" do Projeto Nevoeiro Demoníaco e um Servo que emergiu do nevoeiro. Mordred diz a ele para ouvir o que Frankenstein tem a dizer. Babbage se prepara para se render quando fica furioso com o grupo devido a "M" usando o Graal. Mordred diz a Frankenstein que suas palavras são inúteis, dizendo que às vezes as conversas terminam em brigas. Depois que ele é derrotado, Babbage diz ao grupo para ir para o subsolo, onde eles encontrarão a fonte do Nevoeiro Demoníaco: seu Mecanismo a Vapor Maciço, alimentado pelo Santo Graal, Angrboda. Depois que Babbage desaparece, o grupo retorna Frankenstein ao apartamento de Jekyll antes de seguir para o subsolo.
Eles seguem a liderança de Frankenstein novamente, mas Mordred logo suspeita que os esteja enganando dessa vez. Frankenstein admite que não acredita que Babbage esteja construindo os Helter Skelters para machucar os outros. Mordred a convence a levá-los até ele, dizendo que suas ações agora contradizem a crença dela em sua boa natureza. Ela os leva a Babbage, que revela que ele é "B" do Projeto Nevoeiro Demoníaco e um Servo que emergiu do nevoeiro. Mordred diz a ele para ouvir o que Frankenstein tem a dizer. Babbage se prepara para se render quando fica furioso com o grupo devido a "M" usando o Graal. Mordred diz a Frankenstein que suas palavras são inúteis, dizendo que às vezes as conversas terminam em brigas. Depois que ele é derrotado, Babbage diz ao grupo para ir para o subsolo, onde eles encontrarão a fonte do Nevoeiro Demoníaco: seu Mecanismo a Vapor Maciço, alimentado pelo Santo Graal, Angrboda. Depois que Babbage desaparece, o grupo retorna Frankenstein ao apartamento de Jekyll antes de seguir para o subsolo.
Viajando no subsolo, o grupo finalmente chega à câmara de Angrboda. Lá eles encontram Makiri Zolgen, o primeiro líder do Projeto Demonic Fog. Makiri revela que o Nevoeiro Demoníaco foi criado para destruir toda a Inglaterra, como comandado por seu rei. Ele continua um Espírito Heroico capaz de ativar completamente o Nevoeiro Demoníaco em breve se materializará do Nevoeiro. Ele então se encarna em Barbatos e ataca o grupo. Depois que Barbatos é derrotado, Makiri tenta convocar um Servo, mas Mordred o mata antes que ele possa terminar o encantamento. No entanto, servindo como o círculo de convocação e o encantamento restante, a Névoa Demoníaca completa o ritual. [25] Nikola Tesla é convocado e segue para a superfície, enquanto o grupo permanece inconsciente da explosão maciça de Energia Mágica após sua convocação. Depois que eles acordam, Romani avisa que Tesla está indo para um local na superfície para ativar completamente o Nevoeiro Demoníaco, para que possa se espalhar pela Inglaterra para destruir a época. Ele explica ainda a linha extra de Makiri para Madness Enhancement durante a convocação, que Tesla executou automaticamente a tarefa para a qual foi convocado. Depois de derrotar os homúnculos que os emboscaram, o grupo logo alcançou Tesla. Ele revela que o nevoeiro ativado absorve energia mágica sem limites, impedindo que o grupo o alcance. Mordred dispersa o nevoeiro quando absorve seu Clarent Blood Arthur. O grupo aproveita essa oportunidade para combater Tesla, mas o nevoeiro logo volta. Antes de continuar na superfície, Tesla diz ao grupo que está indo para onde a névoa é mais espessa, o céu acima do Palácio de Buckingham. Ele explica que um raio dele ativará totalmente o nevoeiro e implora que eles o parem antes dele.
O grupo corre para a superfície e encontra Sakato Kintoki e Tamamo no Mae, que recentemente lutaram com Tesla. Kintoki diz a eles que dispersou a neblina ao redor de Tesla, então o grupo correu pelas escadas dele para matá-lo. Depois de matar Tesla, eles se preparam para retornar à clandestinidade para remover o Graal de Angrboda. No entanto, eles são interrompidos quando Artoria Alter de repente se materializa da neblina, absorvendo-a enquanto ela se materializa. Mordred se pergunta por que ela não chegou para salvar Londres mais cedo. Ela então suspeita que veio matá-la porque é contra a idéia de salvar Londres. Vendo que ela exerce a Rhongomyniad, Romani implora para que o grupo corra, mas Mordred se recusa, já que seu destino é se rebelar contra o rei Arthur. Depois que o grupo mata Artoria Alter, eles retornam à câmara de Angrboda para remover o Graal.
Dentro da câmara, Mordred está satisfeito com o resultado. Porém, ela ameaça matar Mash quando disse que Artoria Alter não tinha controle consciente de suas ações. Ela decide não fazer isso, já que Mash estava apenas falando o que pensava, a mesma coisa que ela disse a Frankenstein. Andersen, Shakespeare, Kintoki e Tamamo logo chegam; Mordred ameaça matar os dois escritores por ser irritante. No entanto, uma figuras misteriosas de uma distorção semelhante ao Rayshift. Ele expressa decepção em Gilles de Rais, Romulus, Jason e Tesla por seus fracassos. Ele então revela que é a mente por trás da Incineração da Humanidade, Salomão. Mordred suspeita que ele é um Espírito Heróico que decidiu destruir a humanidade depois de ser convocado. Salomão corrige, porém, que ele se manifestou sob seu próprio poder. Ele revela que o anel de luz visto nos céus das Singularidades é seu terceiro fantasma nobre, Ars Almadel Salomonis. Por seu interesse em Mash, ele convoca apenas quatro dos Deuses Demônios e ataca o grupo. O grupo mata um dos deuses demônios, no entanto, Salomão mata Shakespeare, Kintoki e Tamamo. Mash implora aos romani que os desloquem para casa, mas a presença de Salomão torna isso impossível. Salomão declara que ele supera todos os Servos, independentemente de suas fileiras, como Espíritos Heroicos. Ele então tenta matar Mordred, mas Andersen bloqueia seu ataque. Andersen explica que o sistema de convocação do Espírito Heroico original criado pela Força Contra os convoca como Grandes Servos para proteger a humanidade de uma ameaça nascida da humanidade. Salomão confirma que o sistema usado na Guerra do Santo Graal é uma degradação do original. Ele então declara que ele é o Grand Caster e mata Andersen. Mordred detesta sua vanglória, suspeitando que ele esteja realmente em pânico porque Ritsuka já recuperou quatro de seus Grails. Salomão confessa que só chegou à Singularidade por um capricho e se prepara para sair. Ele proclama que a Caldéia não é uma ameaça para ele, a menos que destruam sete singularidades. Ele então chama os seres humanos sem valor para viver, apesar de suas inevitáveis ​​mortes e folhas. Voltando à superfície com Ritsuka e Mash, Mordred está insatisfeito, apesar de terem recuperado o Graal. Ela odeia que não pode ir com eles, mas entende que desaparecerá agora que a Singularidade se foi. Ela admite que Salomão estava certo de que os Espíritos Heroicos são inúteis, a menos que sejam convocados. Ela então diz que em todas as épocas, quem constrói é quem está à beira do futuro. Portanto, ela está confiante de que Ritsuka desfará a Incineração da Humanidade. Ela então diz a Mash que ela gosta dela, mesmo que ela não goste do Espírito Heroico fundido com ela. Ela suspeita que eles se encontrarão novamente, depois desaparece satisfeita até mesmo alguém como ela salvou Londres.
Chaldea Summer Memories ~ Calmante Praia Branca ~
Mordred e vários outros servos de Ritsuka são acidentalmente deslocados para uma ilha remota onde não conseguem entrar em contato com a Caldéia. Ela não sabe onde eles estão e lança um olhar de soslaio para Artoria Pendragon, que reconhece que não está na Grã-Bretanha. Enquanto o grupo espera que Barba Negra relate sua observação da ilha, Mordred reclama do calor, dizendo que sua armadura não é de praia. O grupo logo aprende com um Barba Negra moribundo que sua localização ainda é desconhecida, e é quase impossível sair com um navio normal. Concordando com a sugestão de Artoria de deixar a ilha para entrar em contato com a Caldéia, o grupo decide construir um navio capaz de deixar a ilha. Mordred reclama novamente de como está quente em sua armadura quando os caranguejos gigantes se aproximam da posição do grupo. Artoria a repreende por usar armaduras pesadas para intimidar o inimigo. Mordred fica irritado com o comentário de Artoria de que sua reputação como cavaleira não vai além do negativo, mesmo que ela troque de armadura adequada ao seu corpo. Depois de matar os caranguejos, as origens espirituais do grupo são alteradas por Scáthach para lhes dar roupas de banho, a fim de se adaptarem ao seu ambiente atual. Mordred se orgulha de ser mais forte que Artoria, agora ela pode balançar sua espada com mais facilidade. Ela fica chocada quando Artoria puxa uma pistola de água do nada como se não fosse nada. Com ciúmes da arma de Artoria é tão verão, ela pega Prydwen. O grupo vai reunir materiais para Scáthach construir seu navio de fuga e também construir outras instalações.
Mais tarde, o grupo discute qual deveria ser sua primeira tarefa na vida da ilha quando uma tempestade de repente se aproxima. Eles entram em uma pequena caverna avistada por Mordred para escapar da chuva, mas acabam devido a um enorme enxame de insetos. Fora da caverna, o grupo decide que precisa construir uma cabana para se abrigar. Mordred sugere que construam uma cabana de ferro para maior defesa do que a cabana de pedra que Artoria sugeriu. Ela fica brava com Artoria por fingir não ouvir sua sugestão. Se a cabine de ferro for construída, Mordred entra apenas para sair imediatamente devido ao calor excessivo. Ela não se importa se é habitável ou não, apenas se é defensável. Ela então nade depois de dizer a Ritsuka que eles estarão a salvo de qualquer ataque dentro da cabine, embora não do calor. O grupo constrói um suprimento de água para preservar a água doce que coletar.
Cansado de churrasco, o grupo decide construir uma instalação de cozinha adequada. Mordred gosta do som de comer pizza, mas reclama que é uma dor de assar. Ela então sugere que eles façam uma panela grande, dizendo que quantidade é o que é importante. Se a panela for construída, ela ficará encantada ao vê-la cheia de ensopado. Ela começa a se lembrar de algo que Artoria costumava fazer durante sua vida, mas se detém. Ela então afirma que o desempenho de um soldado é afetado pela quantidade de estômagos, para que um exército se desfaça se for deixado sem comida. Assim, ela acredita que a quantidade é o mais importante quando se trata de comida. Em seguida, o grupo decide construir uma instalação de banho. Mordred concorda com a sugestão de Anne Bonny e Mary Read de que eles construam um chuveiro. Se o chuveiro for construído, ela toma banho, apenas para imediatamente surfar novamente. Posteriormente, o grupo decide cultivar um campo vegetal para um suprimento estável de alimentos. Mordred sugere o cultivo de melancias, com as quais Scáthach e Artoria concordam. Se as melancias são escolhidas, os três fazem uma competição de divisão de melancia. Mordred falha em direcionar Scáthach na direção errada, enquanto tenta direcionar Artoria na direção certa. Ela afirma que está levando na direção errada, quando Artoria diz para ela calar a boca por distraí-la. Depois que Artoria usa Mana Burtst para dividir a melancia, Mordred fica surpreso com o quão excessivamente competitiva ela é. Ela tenta fazer a mesma coisa, mas destrói a melancia. Mais tarde, o grupo construiu um campo de grãos que pode ser usado para cozinhar ingredientes. Depois, eles constroem uma fazenda para criar gado. Se uma fazenda de gado é construída, Mordred tenta pegar a carne que Scáthach e Artoria estão preparando, apenas para ser golpeada por eles.
Alguns dias depois, Artoria, Mordred, Kiyohime e Marie Antoinette aprendem com Scáthach que suas colheitas foram destruídas por uma fera, conforme determinado pelo uso de Fintan Finegas por Fionn mac Cumhaill. Mordred pensou, no entanto, que seria apenas ela e Artoria em patrulha. Infelizmente, o grupo encontra Fionn e Diarmuid Ua Duibhne, que serviram de vigia na noite anterior, fatalmente feridos. Artoria descobre pelo Diarmuid moribundo que seu atacante era um javali quando um leitão de javali. Mesmo que Marie acredite que é inocência, o outro tenta cercá-lo e matá-lo, dadas as evidências. No entanto, ele foge ao sentir monstros que chegam. Depois de matar os monstros, Artoria ordena que os outros se separem e procurem o leitão de javali. Mordred reclama que Artoria trabalha demais com as pessoas, dizendo que não entende os sentimentos das pessoas. Ela decide voltar e alegar que não encontrou nada quando encontrou o leitão de javali nos arbustos. Ignorando as ordens de Artoria, ela abraça o leitão para sentir seu pêlo macio. Ela então deixa as nozes que conseguiu de Marie para atraí-lo, alertando-o para não voltar aos campos. Mais tarde, naquela noite, ela se reúne novamente com os outros nas lavouras agora reunidas por Santa Marta, Tamamo no Mae e Anne e Mary. O grupo encontra o leitão junto com outros dois tentando proteger as plantações quando um javali demoníaco aparece. Percebendo que é o verdadeiro culpado, o grupo luta contra o javali demoníaco. Depois de morto, Mordred suspeita que os leitões ajudaram porque Marie lhes deu comida. Ela também suspeita que o javali demoníaco os tenha impedido de comer. Marie percebe que eles também gostam dela, mas Mordred nega e diz para eles irem embora. Depois que Scáthach contrata os leitões para proteger as plantações, Artoria suspeita que eles encontrarão mais javalis demoníacos, dado o tamanho da ilha.
No dia seguinte, o grupo decide construir um caminho. Mordred sugere uma pista de minecart, dizendo que ela não é apenas convinente, mas também divertida. Mais tarde, o grupo decide construir um aqueduto para melhorar sua eficiência no armazenamento de água. Mordred sugere que eles construam um oleoduto, reclamando que as idéias dos outros não têm romance. Se o pipeline for escolhido, ela orientará Ritsuka na instalação da última peça. Em seguida, o grupo decide construir uma ponte para facilitar a viagem para Ritsuka. Mordred afirma que ela e Artoria tiveram a mesma idéia de construir uma ponte levadiça, de modo que, como contrapartida, ela sugere um teleférico. Se o teleférico for construído, ela, Martha, Anne e Mary correm com os teleféricos. se o drawbrige for construído, ela o arranha com Prydwen. Ela nega qualquer responsabilidade e também pede desculpas silenciosamente a Artoria. Mais tarde, o grupo construiu um jardim. Depois eles decidem construir um local para atividades recreativas. Depois eles decidem construir um local para atividades recreativas. Se o coliseu for construído, Mordred espera impaciente sua vez de lutar. Se o campo de atletismo é construído, ela bate uma bola contra uma parede sozinha. Artoria, com certa relutância, permite se juntar à equipe de Ritsuka, dizendo-lhe para não se segurar.
Mais tarde, Mordred vai surfar depois de fingir que não gosta de compartilhar o mesmo espaço que Artoria. Mais tarde, ela dá a Ritsuka uma prancha de madeira que ela fez, alegando que elas pareciam inveja dela. Acreditando que o surf no rio era mais adequado para iniciantes, ela os trouxe e Mash, para quem também fez uma prancha. Ela confessa que gosta de surfar, porque ir contra o fluxo das ondas combina com seu caráter traiçoeiro. Ela compara a diversão de lidar com as ondas a um cavaleiro andando a cavalo ou cortejando uma mulher, pois quanto maior o desafio, maior o valor conquistado. No entanto, o grupo percebe miasma fluindo rio abaixo, então eles vão rio acima para encontrar os javalis demoníacos responsáveis. Depois de matá-los, o grupo volta para deixar Scáthach e os outros removerem o veneno. Mordred nega que tenha gostado de Ritsuka assistindo-a surfar.
Mais tarde, o grupo decide construir uma torre com vista para a ilha. Mordred esboça rapidamente seu projeto para a torre. Se sua torre é construída, ela elogia por ter a aptidão de ser um rei e uma artista. Ela comenta que o design quebrado da torre simboliza o espírito rebelde da humanidade. Em seguida, o grupo decide expandir sua cabine; Mordred sugere construir uma fortaleza voadora. Se a fortaleza voadora for construída, ela demonstra seus sistemas de segurança, nos quais Cú Chulainn, Sasaki Kojiro e Karna são pegos. Ela então confessa que seu foco na defesa absoluta é porque ela precisa proteger Ritsuka a todo custo. Ela então sugere ir à praia quando Mash aponta que a fortaleza está quente demais para morar. Mais tarde, o grupo se prepara para construir uma estátua quando chegarem aos preparativos finais para o navio de fuga. No entanto, enquanto eles se preparam para construí-lo, um javali gigante aparece. Depois de forçar a retirada, o grupo continua construindo seu navio e estátua. Se uma estátua de Mordred é feita, ela parabeniza por completar o desenvolvimento da ilha fazendo uma estátua dela.
No dia seguinte, a construção do navio de fuga está completa quando o gigante demônio javali. O grupo então luta para proteger os leitões-javali. Porém, sua estância é tremenda, e cobra da nave que a destrua. No entanto, os leitões formam uma parede para protegê-lo quando se machucam. Depois de derrotar o javali gigante, o grupo e os homens embarcam no navio. Mordred está um pouco preocupado que demore muito tempo para que eles possam entrar em contato com a Caldéia, enquanto zarpam.
Chaldea Heat Odyssey ~ Civilização em evolução ~
Enquanto o grupo continua a navegar, Mordred é atacado por Scáthach por chamá-la de velha. Eventualmente, o grupo chega a terra para encontrar um terreno baldio desolado. Mordred diz que encontra comida depois que Artoria menciona que seus espíritos morrerão primeiro ou Ritsuka morrerá de desnutrição. O grupo então ouve um grito de socorro, e eles ficam surpresos que isso esteja vindo de um leitão de javali. Eles matam o Servo das Sombras atrás dele, que se revela um javali demoníaco disfarçado. O leitão de javali chama as deusas do grupo e pede que salvem este mundo.
O grupo é liderado pelo leitão às ruínas de uma cidade. Eles encontram o chefe de leitão de javali que os agradece por salvar seu neto depois de ouvir suas circunstâncias. Eles ficam chocados quando descobrem que os edifícios eram de uma civilização avançada construída pelos leitões de javali. Infelizmente, isso chegou ao fim com a chegada dos javalis demoníacos e dos Servos Sombrios, cinquenta anos atrás. O grupo então aprende com o chefe de uma lenda em seu clã cerca de nove deusas chamadas Nove Irmãs, que deram civilização aos leitões de javali. Dizia-se que as deusas assumiam a forma humana, então o neto do chefe assumiu que o grupo era elas. O grupo decide reconstruir a ilha em troca da ajuda do pigelt de javali. Mordred alerta os leitões que Artoria pode comê-los depois que este se perguntou se os leitões que o Tamamo deveriam comer.
Mais tarde, o grupo começa a reconstruir a civilização do leitão de javali. Mordred se junta à equipe de busca de Scáthach no litoral para a chance de surfar. Depois de destruir alguns autômatos, a equipe de busca encontra um javali gigante protegendo uma árvore. Depois de matar o javali demoníaco, o grupo chega à costa, onde encontra os restos quebrados da estátua que construiu antes. Scáthach revela que eles coincidiram navegando de volta para a mesma ilha, sem saber que 2.000 anos se passaram a um ritmo incrível. Ela ainda revela que o tempo não progride normalmente na ilha, o que significa que uma hora seria diferente lá fora. Ela continua que era uma terra relativamente pacífica onde os leitões dos javalis viveram até a Caldéia chegar. O grupo então volta para os outros e conta o que descobriram. Eles também percebem que são as deusas adoradas pelos leitões de javali. O grupo decide não deixar a ilha de navio novamente, pois Scáthach aponta outros mil anos para a ilha e os leitões de javali podem ser extintos. Eles então decidem que precisam descobrir por que o espaço-tempo da ilha está distorcido, à medida que continuam a reconstruir a ilha e fazer contato com a Caldéia. Eles também se encontram com Cú Chulainn, que recentemente voltou de ser jogado ao mar do navio do grupo. Mais tarde, eles descobrem que Beowulf está na ilha, mas como um inimigo. Mordred o chama de bandido, decepcionado por ela não estar lá para encontrá-lo.
Mais tarde, Mordred se junta a Ritsuka, Mash, Scáthach e Artoria em busca da caverna onde dorme Caster, que deu eletricidade aos leitões há 2000 anos. Perto da caverna, o grupo luta contra os javalis demoníacos que a cercam. Dentro da caverna, eles encontram ainda mais javalis demoníacos. Mordred está irritado com a boa natureza inerente de Mash, mas Artoria defende Mash. Ela é insultada quando é comparada a um coquetel barato. Enquanto Artoria e Scáthach discutem sobre o equilíbrio de ordem e caos, Mordred insiste continuamente que ela não fez nada de errado. Ela também culpa o pensamento rígido de Artoria por que Lancelot enlouqueceu. Depois de matar os javalis demoníacos que antes passavam despercebidos, ela continua a insistir que não fez nada de errado depois que Artoria e Scáthach se desculparam. No entanto, ela admite que fez tudo errado quando Ritsuka concorda que não fez nada errado e pede desculpas. Artoria ordena que ela faça 100.000 flexões como quando retornam como punição, o que aparentemente é 900.000 menos que o normal. O grupo então encontra um Servo desconhecido e luta com ele e seus robôs. Depois de derrotá-lo, ele revela ser Thomas Edison, que acabou de acordar de sono criogênico. Mordred acha que Artoria está em guarda diante de um rei rei, sem saber que ela está realmente apaixonada pelo rosto de leão de Edison. O grupo segue Edison do lado de fora quando descobre que a civilização dos leitões que ele ajudou a criar está em ruínas. Mordred está chocado com a ameaça de Edison de enviar os javalis demoníacos para a fábrica de empacotamento de carne. Ela esperava que Artoria confirmasse pessoalmente a identidade de Edison.
Mais tarde, o grupo procura a caverna dos javalis demoníacos, supondo que eles tenham o Graal. Depois de algumas brigas, eles dirigem a caverna. Eles o acham guardado pela massa de javalis demoníacos, então Mordred sugere que ela atravesse a linha de frente dos javalis para permitir que Ritsuka, Scáthach e Edidon entrem na caverna enquanto os outros lutam. Ela então intenciona o plano desencadeando seu Noble Phantasm na linha de frente dos javalis. Depois que a fonte dos infortúnios do leitão, Twrch Trwyth, é derrotada, o grupo se prepara para escapar da ilha através do dispositivo de Edison. Mordred descobre com Sasaki que ele e Karna estavam hospedados em Beowulf. O grupo então foge da ilha quando é contatado por Romani, que revela que eles só saíram por uma hora, e retornam à Caldéia.
SIN: Terra do Conhecimento Unificado
Mordred é convocado com Spartacus e Jing Ke quando outro contêiner é lançado de Xianyang. Ela concorda com Spartacus que eles precisam lutar juntos, observando como Artoria ajudou Caldéia várias vezes antes. Ela não sabe quem é Qin Shi Huang e pensa que é o menor imperador romano. O grupo então força Hinako Akuta e o príncipe de Lanling a recuar quando emergem do container. [34] Mais tarde eles matam Jotun do Cinturão Nórdico Perdido. Mordred notou que alguns fugiram, suspeitando que eles tenham um ninho em algum lugar. Ela sugere encontrá-lo e destruí-lo, uma vez que a vila é totalmente indefesa. Ela fica atrás de Nezha e Leonardo da Vinci, enquanto os outros vão encontrar o ninho de Jotun e investigar o Cinturão Perdido. Ela brinca sobre ela e Nezha encontrando e matando Hinako. Depois que os outros retornam, ela diz a Goldolf Musik para não se importar com o comportamento de Spartacus em relação aos moradores. Quando outro contêiner é lançado de Xianyang, ela o destrói com Clarent Blood Arthur. No entanto, Xiang Yu emerge de seus remanescentes e ataca o grupo. Ele sai com Langling quando o último vem buscá-lo. Mais tarde, Mordred pondera sobre sua força, notando que estava constantemente alerta para evitar lacunas em suas defesas. Ela não acredita que ele ajudaria o Qin depois de ouvir que ele se rebelou contra eles na História adequada. Da Vinci então relata que um exército está se aproximando de veículo, então o grupo vai interceptá-lo. Eles lutam contra Lanling e Xiang Yu quando Qin Liangyu e seu exército chegam, ordenando que ambos os lados se retirem. Qin Shi Duang então fala com eles através das vibrações do escudo de Mash depois de disparar um feixe magnético de foco nele. Ele concorda em entregar Tamamo Vitch se eles concordarem em deixá-lo examinar a Fronteira das Sombras, então o grupo concorda de forma relutante. Depois que ele examina a fronteira das sombras, o grupo percebe que a construção em Xianyang é sua verdadeira forma.
Mais tarde naquela noite, Mordred conversa com Spartacus depois de perceber que ele não é o seu habitual. Ela lembra que o Lostbelt é um mundo onde a guerra foi eliminada. Ela então fica confusa quando ele pergunta se eles têm o direito de estar aqui. Mais tarde, Da Vinci e Sherlock Holmes tentam convencê-la, Spartacus e Jing Ke a continuar sua trégua com Qin até que Hinako seja derrotada. Ela aceita o plano, pois era algo que costumava discutir com Agravain. Ela diz a Spartacus para suportar quando ele discorda do plano. Mais tarde, o grupo notou que Spartacus levou vários moradores para marchar em direção à capital. Mordred desaconselha o uso de um Feitiço de Comando contra ele, pois, embora o prenda, não conquistará sua obediência. Ela então pede a Ritsuka para deixá-la convencer Spartacus a parar. Ela explica que fará isso derrotando-o na submissão. Depois que Jing Ke decide se juntar, Mordred diz a Nezha para guardar a fronteira das sombras. Ela, Ritsuka, Mash e Jing Ke logo alcançam Spartacus e os moradores. Eles lutam com ele quando Nezha chega para relatar que Qin Liangyu roubou a fronteira das sombras. Sherlock deu a Nezha o Spirtiual Foundation Graph, e teve sua fuga. Qin Shi Huang ordena a Xiang Yu que mate o grupo depois de saber que eles ensinaram poesia aos aldeões, porque ele prefere que eles sejam pacificamente ignorantes. A luta de grupo contra ele quando Hinako e Lanling chegam. Os dois grupos lutam um pouco quando Qin Shi Huang repentinamente faz Hinako, Lanling e Xiang Yu recuarem. Ele lançou uma carga útil da Grande Muralha em direção à localização atual do grupo, e ela chegará em três minutos. Mordred pega Spartacus depois que o detém com um Cronista sobrecarregado. Ela fica irritada por ele chamá-la de homem, mas se recusa a bater nele em sua condição atual. Depois que ele desaparece, o Spirtual Foundation Graph reage à linha ley conectando-se ao Trono dos Heróis.
Jing Ke sugere que eles se separem nos três grupos; um para perseguir a fronteira das sombras e dois para levar os aldeões para algum lugar não observável para Qin Shi Huang. Ela designa Mordred e Nezha para escoltar os moradores, enquanto ela vai com Ritsuka e Mash para perseguir a fronteira das sombras. Depois que Mordred e Nezha terminam, eles se escondem e esperam perto de Xianyang até que todos estejam juntos antes de atacar a capital. Mordred diz que o plano está cheio de buracos, mas observa que é mais flexível por causa disso. Ela diz aos moradores que não é culpa deles que eles precisam sair, pois é assim que a guerra é para os civis. Ela concorda com o garoto, que se uniu a Spartacus, que agora experimentam a liberdade, algo que ela diz que vale a pena morrer. Mordred e Nezha então escondem os aldeões em uma caverna com provisões.
Os dois mais tarde redevos com os outros estavam indo para Xianyang, junto com Chen Gong, Red Hare e Vitch. Ela permite que Vitch ajude, pelo menos até que o último trai. Eles logo chegam à capital e matam Qin Liangyu. Enquanto viajam pela área residencial, Mordred fica preocupado com o Palácio de Epang caindo sobre eles. O grupo entra no departamento tecnológico do palácio para encontrar a fronteira das sombras lá. Eles lutam contra os soldados de Han Xin, seus comandos os fortalecendo. O capitão da guarda, Li Shuwen, chega para ajudar Han Xin. Depois de alcançar a vitória, o grupo leva a Borda das Sombras para a Árvore Fusang. Eles chegam ao tesouro quando são confrontados por Xiang Yu e Hinako, que anteriormente revelaram sua verdadeira identidade como Yu Miaoyi. A Árvore Fusang é revelada como o Mayall da Árvore da Fantasia. Depois que Xiang Yu e Yu Miaoyi são derrotados, Mordred se vangloria de como ela vai vencer as previsões de Xiang Yu toda vez. Vitch então ativa Mayall, revela que estava dentro da Árvore Fusang. Vitch então se teleporta para longe, e o Palácio de Epang cai. Qin Shi Huang aparece das ruínas agora em forma humanóide e luta contra o grupo para ver cujo mundo continuará. Depois que ele é derrotado, Mordred diz que ela ajudará idiotas como Ritsuka sempre. Qin Shi Huang confia o futuro à Caldéia, mas Xiang Yu rejeita sua decisão. Apesar de suas feridas, ele luta contra o grupo. Lamentando loucamente sua morte, Yu Miaoyi permite que Mayall a absorva. Mayall desperta completamente, e Qin Shi Huang ajuda a destruí-lo. Depois que Yu Miaoyi, Cheng Gong e Red Hare desaparecem, Mordred decide ficar com os outros até que eles deixem o Cinturão Perdido.
submitted by YatoToshiro to Fate_GensokyoBR [link] [comments]


2019.09.12 19:27 Sursiendo Dejar de usar Photoshop® es una decisión política

leer en el blog
Reflexiones sobre el uso del software privativo de Adobe® y porqué optamos por el software libre.
📷-“¿En GNU/Linux puedo instalar Photoshop®?”, “Sí quiero GNU/Linux, pero uso la paquetería de Adobe® porque lo uso para trabajar”, “No tengo tiempo para aprender a usar otros programas”, “Es que GIMP no es tan bueno para editar imágenes”.
Estas y otras excusas son mencionadas por las personas a las que les recomendamos migrarde sistema operativo por alguna de las muchas distribuciones de GNU/Linux que existen actualmente. Ya sea por congruencia política, seguridad en el sistema, estabilidad, libertad de uso, personalización, por hacerle frente a la obsolescencia programada y una larga lista de beneficios que esto trae a las personas como usuarios del software libre. Las personas siguen anteponiendo el uso de la paquetería de Adobe® como principal obstáculo para migrar a un sistema libre.
En muchas ocasiones quienes usamos software libre nos convertimos en una especie de predicadores de las libertades del software con nuestros amigos, colegas de trabajo y hasta con nuestra familia. Después de tanto estar chingando insistiendo y creemos que ya hemos logrado convertir convencer a alguien a usar una distribución libre vienen las preguntas respecto a los programas de ofimática, navegadores de internet, nubes, compatibilidad de archivos y al final el gran pero suele ser la paquetería de Adobe®.
Es verdad que la compañía de Adobe® no tiene una versión de sus programas para GNU/Linux y aunque es posible la instalación de estos programas de varias maneras como la virtualización de sistemas como Windows® o instalarlo con la herramienta Wine. La cuestión va más allá de “si se puede usar o no” en un sistema libre. Habría que repensar ¿por qué Adobe® se ha vuelto una herramienta indispensable hasta ser uno de los impedimentos principales para usar un sistema libre?
Photoshop®, la hegemonía de la creatividad. 📷Es verdad que muchas personas que se dedican al diseño gráfico utilizan como herramienta principal este software de edición de imágenes y fotografías. Y hasta resulta casi obvio que edición de imagen es igual a Photoshop®, e incluso ya existen palabras como “esa foto esta photoshopeada” o aquel meme mostrando una imagen evidentemente alterada con el texto “los envidiosos dirán que es photoshop”. Ante esta obviedad es válido preguntarse porqué se volvió un sinónimo de la edición de imágenes.
En las escuelas de diseño enseñan como materia obligatoria el uso de Photoshop® para el retoque de fotografía, incluso en las escuelas de artes se ha vuelto una herramienta indispensable y ni hablar de los periodistas que también han tenido que utilizar este programa para su quehacer informativo. Esto ha llevado a muchas personas a la ridícula situación de tener que comprar un equipo muy caro como una Macbook Pro FullHD 4k edición especial y todas esas cosas que encarecen más los productos de Apple (por cierto la nueva Mac Pro cuesta 5 mil dolares a los que hay que agregarle mil dolares más por el soporte de la pantalla que se vende por separado, es en serio) solo porque alguien les dijo la tontería de que para ser diseñador necesitas una Mac.
Cuando iba en la secundaria corría el rumor de que alguien me iba a ofrecer drogas y al principio me las regalaría, ya cuando fuera adicto me las comenzaría a vender. Pero nadie me dijo que Windows® y Adobe® harían algo parecido o incluso peor: que si usaba una versión de Photoshop antigua me iba a demandar, y aunque jamás llegó ese dealer dudo mucho que me demandara si le dejaba de comprar drogas. Y es que hay personas que dicen que solo le ponen el crack o lo piratean y ya no lo pagan, pero esa no es la cuestión, aun así lo seguimos usando (pirata o con licencia) como si fuera lo único que pudiéramos usar para hacer nuestro trabajo.
Más allá de las libertades que perdemos al usar este programa nos encontramos en una esfera de la cual no podemos salir, me refiero a que limita nuestras capacidades creativas al imponernos filtros y efectos por default, que hacen que nuestro trabajo creativo se vea limitado a sus herramientas, filtros, efectos, capas, etc. y ni hablar de su incompatibilidad con otros programas que no sean de Adobe®. Es como si nos dijeran que somos libres de dibujar lo que queramos pero solo nos dieran un lápiz de color azul, es decir se pierden todas las posibilidades creativas y todo lo que pudiéramos imaginar, hasta que terminamos en Youtube buscando un tutorial para ver si de casualidad se puede hacer lo que imaginamos en Photoshop® y si no, adaptarnos a hacer lo más parecido a lo que imaginamos. Photoshop® limita la capacidad humana de creatividad y experimentación o al menos hasta que a alguno de sus desarrolladores se le ocurra algo “innovador”.
Adobe Reader®, ¿en serio necesito todo eso para leer mi libro vaquero? Este software también es algo que parece que pasa desapercibido entre los usuarios quienes tienen que descargar un programa (que te descarga un antivirus que te está chingandoinsistiendo que lo compres todo el tiempo si no lees las letras pequeñas) muy pesado para la simple tarea de visualizar un documento en formato PDF, tarea que hoy en día puede hacer prácticamente cualquier navegador de internet de manera nativa o una tostadora.
Adobe Premiere®, por supuesto que necesitas todas esas herramientas para cortar ese vídeo. El “pero” más grande con el que me he encontrado es la edición de vídeo: quienes hacen esta tarea suelen hacer vídeos literalmente hermosos, documentales de ensueño y cosas fantásticas, pero hay quienes simplemente queremos cortar un fragmento de vídeo o poner una musiquita de fondo para hacer más ameno nuestro vídeo que grabamos en la fiesta del fin de semana con nuestro celular que todavía no acabamos de pagar en Coppel y nos vemos frente a una navaja suiza en la cual es difícil encontrar la navaja para cortar. Y no disponemos de una herramienta que haga SOLO una cosa y la haga bien y no necesite de una computadora que cuesta más que el sueldo de un año de trabajo para hacer esa tarea.
📷GNU/Linux NO es una alternativa, es una manera diferente y libre de hacer las cosas. Platicando con una amiga hablábamos de la manera de ver los programas de GNU/Linux como una alternativa y no como una manera distinta de hacer las cosas, es decir, los programas que utilizamos en sistemas operativos libres no hacen lo que hace la suite de Adobe®, pero sí hacen su trabajo y lo hacen muy bien. No es necesario caer en la competencia de parecerse o tratar de igualar las funciones de Photoshop®, lo importante es editar una imagen y hacerlo bien, es entonces en cuando nos encontramos con un universo de posibilidades y maneras muy originales de hacer las cosas, a diferencia de Adobe®, que es una compañía que desarrolla una serie de programas como mercancía; las comunidades de software libre buscan la libertad de los usuarios y la colaboración conjunta para llegar a los resultados deseados y mejorar la edición sin un interés económico; por el simple placer de compartir.
Y es que a veces las computadoras y estos programas automatizan todo y nos vuelven inútilesincompetentes. En alguna ocasión mientras conocía GIMP y buscaba en los foros maneras de hacer algunas cosas me encontré con una persona que quería mejorar una fotografía porque estaba muy obscura y alguien le recomendó volver a tomar la fotografía en un lugar con más luz, ni siquiera tuvieron que hacer un script o un filtro para aumentar la luz en una imagen. ¿Serías capaz de tomar una buena fotografía sin tener que editarla en Photoshop®?
Más allá de las comparaciones que podemos hacer, o hacer una larga lista de programas que podemos utilizar o de los beneficios y libertades de los cuales ya existen muchos artículos debemos pensar más allá de quién es mejor y salir de ese círculo vicioso de competencia y poner sobre la mesa cuestiones más importantes.
El uso de un sistema operativo libre va más allá de las capacidades de un programa de hacer las cosas de una u otra manera, tiene que ver con la libertad de los usuarios a estudiar, compartir y modificar las funciones del mismo sin tener que pedirle permiso a una compañía, se trata de que todas las personas tengan la oportunidad de poder editar una fotografía con una computadora vieja porque el contexto en el que nació no le da la mínima oportunidad de comprar una MacBook Pro® (porque es más importante comer o tener para el pasaje) o a un estudiante que necesita leer un PDF porque no encontró el libro que quería en físico, se trata de salir de esa burbuja y dejar salir la creatividad humana sin la limitante del dinero que segmenta y divide a los artistas de los artesanos, se trata de aprender y compartir. Y en el camino generar comunidad, se trata de ser congruentes con nuestros ideales, se trata de no seguir contaminando el planeta con teléfonos que usamos durante un año porque “ya salió el nuevo iPhone®”, se trata de libertad y no de código.
Xolotl.
submitted by Sursiendo to Tecnopolitica [link] [comments]


2019.05.24 19:51 Metalkat [FAQ] Preguntas Frecuentes - M&L Online

¿Qué es Mitos & Leyendas Online?
Mitos & Leyendas Online es un juego F2P (Free to Play) de estrategia, donde te podrás enfrentar en épicas batallas contra tus amigos o enemigos. Comanda ejércitos, convoca míticas bestias y utiliza el poder de los dioses a tu favor.
¿El juego es/será Pay2Win?
NO, todas las cartas serán asequibles de forma gratuita a través de una moneda dentro del juego, la cual se obtendrá jugando. Pero sí se podrán comprar sobres con dinero IRL para apurar este proceso.
¿Qué valor tendrán estos sobres?
Aún está por definir, así también su frecuencia.
¿Por qué el retraso en el desarrollo?
Queremos entregar un producto de calidad, por lo que como equipo de desarrollo se tomó la decisión de retrasar el lanzamiento del alpha.
¿Qué podré hacer en esta Alpha?
Podrás disfrutar sin costo ni preocupación de 3 Mazos, Bestia, Guerrero y Sombra. Más info en nuestro development blog, que se irá posteando a medida que vayamos haciendo cambios en este mismo sub. Busquen posts con el Flair "Dev Update". Durante el desarrollo iremos mejorando el juego a partir de las sugerencias y los planes que ya tenemos en carpeta. Para más info pueden ver el post Trabajo en Progreso.
¿Como consigo mi Llave de Steam?
El código que obtuviste en tu Colección Legendaria puedes ingresarlo AQUÍ para recibir en tu correo una Llave de Steam
¿Donde inscribo mi Llave de Steam?
Para acceder al juego deben ingresar sus llaves en cliente oficial de Steam. Para saber cómo pueden ver el siguiente link .
¿Qué es una Colección Legendaria?
Productos especiales lanzados por el juego físico de Mitos y Leyendas disponibles en su tienda oficial, donde podrás encontrar distintas Colecciones Legendarias para poder obtener tu código [1 2 3 4 ].
¿En qué plataformas estará disponible Mitos & Leyendas Online?
Por ahora estará disponible en Steam (Pc y macOS). Muy pronto anunciaremos fechas para plataformas móviles (iOS y Android)
¿Cúales son los requerimientos mínimos para poder jugar Mitos & Leyendas Online?
Todas las especificaciones técnicas del juego las puedes encontrar en nuestra página de Steam.
submitted by Metalkat to MitosyLeyendasOnline [link] [comments]


2019.02.16 15:51 juegosupermente LOS 7 PRINCIPIOS DE STEVE JOBS PARA LA INNOVACIÓN

LOS 7 PRINCIPIOS DE STEVE JOBS PARA LA INNOVACIÓN
Los secretos de la Innovación de Steve Jobs revela los 7 principios que fueron en gran parte responsables de su éxito, los principios que guiaron a Steve Jobs, durante toda su carrera y, los principios más importantes que usted puede adoptar hoy mismo para “pensar de manera diferente” acerca de su empresa, producto o servicio.


https://preview.redd.it/x8zdhome1yg21.png?width=533&format=png&auto=webp&s=06c6bce8da8939270e34b48dc658032da5450ddc


Steve Jobs, tiene algo que enseñar acerca de su carrera, su negocio y su marca. Él pensaba diferente sobre cada aspecto del negocio – desde el diseño hasta la comercialización. Estos son los siete principios responsables del éxito de Jobs:

PRINCIPIO UNO: Haz lo que amas.“Hay que tener el coraje de seguir tu corazón e intuición. De algún modo ellos ya saben lo que realmente quieres ser". Steve Jobs
Jobs ha seguido su corazón toda su carrera y la pasión ha hecho toda la diferencia. Es muy difícil encontrar ideas nuevas y creativas que se mueven hacia adelante si la sociedad no está apasionados sobre el tema.En 1972, Steve Jobs, abandonó el Reed College en Portland después de sólo un semestre. Él se quedó otros 18 meses para “estar” solo en las clases que le gustaban, como la caligrafía. La caligrafía no tenía ninguna aplicación práctica evidente en su vida, pero volvería a Jobs cuando creó el MAC.El Macintosh fue la primera computadora del mundo, con hermosas fuentes y tipografía. Si Steve Jobs no hubiera seguido su pasión, todavía estaríamos entrando comandos de la línea.“Ser el hombre más rico del cementerio no me importa. Quiero acostarme en la noche diciendo que hemos hecho algo maravilloso, eso es lo que me importa". Steve Jobs.
¿Cómo encuentras tu pasión? Las pasiones son las ideas que no te dejan en paz. Son las esperanzas, los sueños y las posibilidades que consumen tus pensamientos. Sigue las pasiones a pesar de los escépticos y pesimistas que no tienen el coraje de seguir sus sueños.

PRINCIPIO DOS: hacerse un hueco en el universo. Esto habla de la visión. La innovación no tiene lugar en un vacío. Todos necesitamos saber a dónde vamos, cuál es el destino final, y debe inspirar a otros. Steve Jobs nunca ha subestimado el poder de la visión para mover una marca de futuro. En 1976, Steve Wozniak fue cautivado por la visión de Jobs de “poner un ordenador en manos de la gente común. ”En 1979, Jobs dio un recorrido por las instalaciones de investigación de Xerox en Palo Alto, California. Allí vio una nueva tecnología que permite a los usuarios interactuar con el ordenador a través de coloridos iconos gráficos en la pantalla en lugar de entrar en la línea de comandos complejos. Se le llamó una “interfaz gráfica de usuario. ” En ese momento, Jobs sabía que esta tecnología le permitiría cumplir con su visión de poner una computadora en manos de la gente común. Más tarde dijo que Xerox podría haber “dominado” la industria de los ordenadores, pero su “visión” se limitaba a la construcción de otra copiadora. Dos personas pueden ver la misma cosa, pero percibirla de manera diferente en función de su visión.

PRINCIPIO TRES: Enciende tu imaginación.La creatividad conduce a ideas innovadoras. Jobs consideraba que un amplio conjunto de experiencias expande nuestro entendimiento. Una comprensión más amplia lleva a los avances que otros han perdido. Innovación revolucionaria requiere creatividad y la creatividad requiere pensar de manera diferente sobre la manera de pensar.“La creatividad es simplemente conectar cosas.” Steve Jobs.
La idea cayó de un árbol, literalmente. Steve Jobs, había vuelto de visitar un lugar común en Oregon, un huerto de manzanas. El Cofundador de Apple y amigo de Jobs, Steve Wozniak, lo recogió en el aeropuerto. En el trayecto a casa, Jobs se limitó a decir, “se me ocurrió un nombre para nuestra empresa: es Apple”, le dijo a Wozniak. Se podría haber imaginado un nombre que sonase más técnico, pero su visión era hacer que los ordenadores fueran accesibles. Apple encajaba perfectamente.Steve Jobs, crea nuevas ideas, precisamente porque ha dedicado su vida a explorar nuevas cosas. Jobs contrató a personas ajenas a la profesión informática, estudió el arte de la caligrafía en la universidad, meditó en un templo hindú, y evaluó la cadena hotelera Four Seasons, para desarrollar el modelo de servicio al cliente de las tiendas Apple. Puedes buscar fuera de tu industria para la inspiración!. “Parte de lo que hizo el gran Macintosh era que las personas que trabajan en ella eran músicos, poetas y artistas, zoólogos e historiadores, que también pasaron a ser el mejor equipo de científicos del mundo.” Steve Jobs.

PRINCIPIO CUATRO: Venta de sueños, no productos. “La gente que está lo suficientemente loca como para cambiar el mundo, son los que lo hacen". Steve Jobs.
Steve Jobs no se basaba en “focus group”. Si lo hubiera hecho, es posible que nunca hubiéramos disfrutado de los iPod, iTunes, el iPhone, el IPAD, o las tiendas de Apple. Jobs no necesitaba focus group, porque entiende que sus clientes realmente no saben exactamente lo que quieren. Cuando Jobs volvió a Apple en 1997 después de una ausencia de 12 años, Apple se enfrenta a un futuro incierto. Jobs concluyó su presentación ese año en la Macworld de Boston con una observación que marcó la pauta para el resurgimiento de Apple: “Yo creo que hay que pensar de manera diferente a comprar un ordenador Apple. Muchas veces la gente piensa que estás loco, pero en esa locura que vemos está genialidad.”

PRINCIPIO CINCO: Di no a 1000 cosas. “La innovación viene de decir “no” a 1.000 cosas para asegurarnos de que no seguiremos en el camino equivocado o tratar de hacer demasiado". Steve Jobs.
Jonathan Ive, el gurú del diseño de Apple: “Estamos absolutamente consumidos por tratar de desarrollar una solución que sea muy simple, porque como seres físicos queremos claridad. ”Su simplicidad demanda de clientes y la simplicidad requiere eliminar todo lo que estorba a la experiencia del usuario.Steve Jobs reduce la complejidad en la categoría de smartphone, eliminando el teclado.El IPAD es tan simple que un niño de 2 años de edad puede utilizarlo. El sitio Web de Apple cuenta con un solo producto.

PRINCIPIO SEIS: Crear experiencias increíblemente grandes. “La gente no quiere comprar sólo ordenadores personales. Ellos quieren saber qué pueden hacer con ellos, y vamos a mostrar a la gente exactamente lo que quiere”. Steve Jobs.
Jobs hizo la tienda de Apple con un foco de excelencia en servicio al cliente, mediante la introducción de innovaciones sencillas que cualquier empresa puede adoptar: crear más conexiones emocionales con sus clientes. Por ejemplo, no hay cajeros en una tienda de Apple. Hay expertos, consultores, incluso genios, pero no hay cajeros. Apple ha creado una innovadora experiencia al por menor mediante el estudio de una empresa conocida por su experiencia del cliente. Las tiendas Apple atraen a los compradores no por los productos sino por la experiencia de compra!“Si uno piensa acerca de lo que hace que los clientes y empleados estén contentos en el mundo actual, termina siendo bueno para los negocios.” – Tony Hsieh, CEO de Zappos.

PRINCIPIO SIETE: Maestro del mensaje.Se puede tener la idea más innovadora del mundo, pero si no puede entusiasmar a la gente, no importa. Steve Jobs es considerado uno de los más grandes narradores de historias en el mundo, por sus presentaciones: informa, educa y entretiene!. Steve Jobs piensa visualmente sobre la presentación de ideas, productos e información. Si se presenta la información verbal, su audiencia recuerda el 10% de la información, adjuntando una foto la retención se eleva a 65%. El texto y las imágenes son mucho más interesantes que las viñetas.
https://www.supermente.net
submitted by juegosupermente to u/juegosupermente [link] [comments]


2018.09.27 21:32 lucasduka Non Zero Days - Versão em português

Há mais ou menos um mês atrás eu li um comentário que me ajudou muito no dia a dia (que você pode encontrar o original em inglês aqui. Esse comentário foi em resposta a um post de um redditor chamado Max que alegava que não se importava mais com ele mesmo. O comentário foi feito pelo redditor chamado Ryan que ensinou sobre os non zero days. Tentei traduzir da maneira mais fiél possível tentando transmitir o que o autor original escreveu.
Ai. Parece que você está passando por tempos difíceis, Max. É complicado. Eu já passei por isso, portanto eu sei sobre o que você está falando. Eu já estive nesse vortex de dúvidas, frustração e aversão. Não é nada bom. Eu sei. Se você não se importa, deixa eu te dizer algumas coisas. Você pode ler se você quiser, pode ler novamente depois se você sentir que gostou. Mas sinceramente, cara, se eu passei esse tempo todo escrevendo isso pra você e você apenas ignorar, você estará me desapontando e se desapontando. E você não TEM que fazer isso. Você não TEM que fazer nada. Mas cabe a você decidir.
(Quem sou eu? Meu nome é Ryan e eu moro no Canadá. Acabei de me mudar para uma cidade nova por causa de um trabalho dos sonhos que eu só consegui por causa das regras que estão listadas abaixo. Eu devo muito do meu sucesso à pessoas muito mais legais, educadas, amáveis e incríveis do que eu. Quando eu tenho a oportunidade de ajudar, é pra mim uma forma de agradece-los).
Regra número um – Não existe mais zero days. O que é um zero day? Um zero day é quando não faz nada em relação aos seus sonhos e metas ou qualquer outro objetivo que você tenha. Sem mais zero days. Não estou dizendo que você tem que fazer uma redação todo dia. Esse não é o ponto. O ponto é que estou tentando fazer com que você se force e prometa a viver um novo SISTEMA: você agora vive no sistema non zero days. Não fez nada durante o dia inteiro e já são 23:58? Escreva uma sentença. Faça uma flexão. Leia uma página daquele capítulo. Porque UM já não é ZERO. Você me entende? Quando você está no meio de um super vortex de coisas ruins, o seu padrão de comportamento faz com que o vortex continue, e é com isso que você está acostumado. Se tornar o mestre supremo de produtividade não acontecerá a partir do vortex. Acontece a partir de uma teia muito consistente de dias que não são zero days. Essa é a regra número um. Não se esqueça.
“La deuxieme regle (A segunda regra) – Sim, eu aprendi francês. É uma coisa canadense. Desculpa a falta de sotaque, mas me deixe falar sobre a regra número dois. SEJA GRATO PELOS 3 VOCÊS. O quê? 3 eus? Isso é papo de blogueirinha. Novidades: existem três de você. Existe o você do passado, o você do presente e o você do futuro. Se você quer amar alguém para te amar de volta, você tem que aprender a se amar, e os 3 vocês é a chave para que isso aconteça. Seja GRATO ao você do passado pelas coisas boas que você fez. A faça favores ao você do futuro como se estivesse fazendo ao seu melhor amigo. Está se sentindo um merda hoje? Pare um segundo, pense sobre uma boa decisão que você tomou ontem. Salada e atum ao invés de um Big Mac? OBRIGADO, EU MAIS NOVO. Ontem foi non zero day porque você escreveu 200 palavras (ei, esse é o máximo que você conseguiu?) OBRIGADO, EU MAIS NOVO. Juntou dinheiro para comprar aquela coisa tão desejada? OBRIGADO. A segunda parte dos 3 eus é que você tem que fazer um favor ao você do futuro, como se você para o seu melhor amigo (não tem melhor amigo? Você tem agora. Você tem dois. O seu você do futuro e do passado). Est[a cansado pra caralho e não consegue sair do Reddit/videogame/internet? Que se foda o você do presente, faça pelo você do futuro. Eu vou fazer malhar pesado por 17 minutos. Eu estou fazendo isso pelo eu do futuro. O alarme toca e a cama está muito confortável? Foda-se o você do presente, essa é pro meu melhor amigo, para o eu do futuro. Eu vou levantar e caminhar 5 km (ou até mesmo 25 metros, não importa. Não pode ser um dia zero). NÃO SE ESQUEÇA DE AGRADECER AO SEU EU DO PASSADO por conseguir superar seus limites e sair da zona de conforto, tornando sua vida melhor. O ciclo de fazer algo por outra pessoa (você do futuro) e agradecer pelas coisas boas na sua vida (você do passado) é a chave pra construir gratidão e produtividade. Não duvide de mim. Com o tempo você vai deveria espalhar gratidão aos outros que te ajudaram no seu caminho.
Regra número três – não se preocupe eu vou colocar um “TL:DR” no final (pegue uma caneta e um papel para anotar. Sério. Você precisa fisicamente fazer marcas no papel). SE PERDOE. Sério mesmo. Talvez você tenha toda a capacidade, dinheiro, habilidade, força e talento pra você o que deseja. Mas vamos dizer que você ainda não conseguiu fazer. Agora você tá se colocando pra baixo por não fazer o que você precisava fazer, por não ser o que você queria ser. Levanta cabeça, princesa, se não a coroa cai. Se colocar pra baixo te prejudica e te torna menos produtivo. Se esforçou ao máximo pra não ter um zero day ontem e falhou? Qual o problema? Perdoe o você do passado. Eu perdoo você. Mas hoje? Hoje não pode ser um dia zero. Hoje vou me dedicar para que seja diferente. Essa é para o meu eu do futuro. Perdão, cara. Use. Eu perdoo você. Diga bem alto.
Última regra. Regra número quatro – É a mais fácil e são apenas três palavras. Exercício e livros. É isso. É um conselho bem básico mas quando você se exercita diariamente você se torna mais esperto. Quando você se exercita você produz endorfina (obrigado, corpo). Quando você se exercita sua mente fica mais leve. Quando você se exercita você está fazendo um grande favor ao seu você do futuro. Se exercitar é um dos pilares. Me entende? Assim como os livros. Quase a totalidade das coisas que nós pensamos, sentidos, passamos, queremos ou desejamos aprender a fazer já foi descoberto por outro alguém. Vá atrás de alguns livros. Postou no Reddit sobre não ligar mais sobre você? Bom primeiro passo (non zero day, obrigado ao eu do passado por ter escrito). Sabe o que mais você fazer? Leia sobre hábitos de pessoas bem sucedidas. Leia “Emotional Inteligence”. Leia “From good to great”. Leia “Thinking fast and slow”. Leia livros que vão te ajudar a entender. Leia sobre malhação e incorpore no seus treinos (Como andam suas flexões?) Ler é como o warp whistle do Super Mario 3. Te leva ao próximo nível muito mais rápido.
É isso, cara. Existe muito mais em tornar seus non zero days em grandes non zero days, mas essa não é tua missão por enquanto. Sua missão é non zero, perdão e favores. Você tem 36 redações pra fazer em 24 minutos e é impossível de conseguir? O seu eu do passado te desapontou mas calma... eu te perdoo. Dê o seu máximo nesses 24 minutos e siga em frente.
Eu espero que eu tenha te ajudado um pouco, Max. Eu conseguiria escrever sobre isso pra sempre, mas eu prometi a mim mesmo que iria fazer uma caminhada de 15 minutos enquanto ouço A. Skillz Beats Working Volume 3. Um último conselho. Independente de você ter lido ou não isso ter ajudado a melhorar seu dia, se você acordar amanhça e não conseguir lembrar das quatro regras, por favor, POR FAVOR, leia isso novamente.
Tenha um dia incrível ☺
TL;DR: 1. Tenha o máximo de non zero days que você conseguir; 2. Os três vocês, gratidão e favores. 3. Perdão 4. Exercícios e livros (que é uma maneria de dizer aprimoramento pessoa, tanto fisicamente, emocionalmente e mentalmente).
Wallpaper feita pelo aryeo representando os non zero days.
submitted by lucasduka to desabafos [link] [comments]


2018.09.27 21:30 lucasduka Non zero days - Versão em português

Há mais ou menos um mês atrás eu li um comentário que me ajudou muito no dia a dia (que você pode encontrar o original em inglês aqui. Esse comentário foi em resposta a um post de um redditor chamado Max que alegava que não se importava mais com ele mesmo. O comentário foi feito pelo redditor chamado Ryan que ensinou sobre os non zero days. Tentei traduzir da maneira mais fiél possível tentando transmitir o que o autor original escreveu.
Ai. Parece que você está passando por tempos difíceis, Max. É complicado. Eu já passei por isso, portanto eu sei sobre o que você está falando. Eu já estive nesse vortex de dúvidas, frustração e aversão. Não é nada bom. Eu sei. Se você não se importa, deixa eu te dizer algumas coisas. Você pode ler se você quiser, pode ler novamente depois se você sentir que gostou. Mas sinceramente, cara, se eu passei esse tempo todo escrevendo isso pra você e você apenas ignorar, você estará me desapontando e se desapontando. E você não TEM que fazer isso. Você não TEM que fazer nada. Mas cabe a você decidir.
(Quem sou eu? Meu nome é Ryan e eu moro no Canadá. Acabei de me mudar para uma cidade nova por causa de um trabalho dos sonhos que eu só consegui por causa das regras que estão listadas abaixo. Eu devo muito do meu sucesso à pessoas muito mais legais, educadas, amáveis e incríveis do que eu. Quando eu tenho a oportunidade de ajudar, é pra mim uma forma de agradece-los).
Regra número um – Não existe mais zero days. O que é um zero day? Um zero day é quando não faz nada em relação aos seus sonhos e metas ou qualquer outro objetivo que você tenha. Sem mais zero days. Não estou dizendo que você tem que fazer uma redação todo dia. Esse não é o ponto. O ponto é que estou tentando fazer com que você se force e prometa a viver um novo SISTEMA: você agora vive no sistema non zero days. Não fez nada durante o dia inteiro e já são 23:58? Escreva uma sentença. Faça uma flexão. Leia uma página daquele capítulo. Porque UM já não é ZERO. Você me entende? Quando você está no meio de um super vortex de coisas ruins, o seu padrão de comportamento faz com que o vortex continue, e é com isso que você está acostumado. Se tornar o mestre supremo de produtividade não acontecerá a partir do vortex. Acontece a partir de uma teia muito consistente de dias que não são zero days. Essa é a regra número um. Não se esqueça.
“La deuxieme regle (A segunda regra) – Sim, eu aprendi francês. É uma coisa canadense. Desculpa a falta de sotaque, mas me deixe falar sobre a regra número dois. SEJA GRATO PELOS 3 VOCÊS. O quê? 3 eus? Isso é papo de blogueirinha. Novidades: existem três de você. Existe o você do passado, o você do presente e o você do futuro. Se você quer amar alguém para te amar de volta, você tem que aprender a se amar, e os 3 vocês é a chave para que isso aconteça. Seja GRATO ao você do passado pelas coisas boas que você fez. A faça favores ao você do futuro como se estivesse fazendo ao seu melhor amigo. Está se sentindo um merda hoje? Pare um segundo, pense sobre uma boa decisão que você tomou ontem. Salada e atum ao invés de um Big Mac? OBRIGADO, EU MAIS NOVO. Ontem foi non zero day porque você escreveu 200 palavras (ei, esse é o máximo que você conseguiu?) OBRIGADO, EU MAIS NOVO. Juntou dinheiro para comprar aquela coisa tão desejada? OBRIGADO. A segunda parte dos 3 eus é que você tem que fazer um favor ao você do futuro, como se você para o seu melhor amigo (não tem melhor amigo? Você tem agora. Você tem dois. O seu você do futuro e do passado). Est[a cansado pra caralho e não consegue sair do Reddit/videogame/internet? Que se foda o você do presente, faça pelo você do futuro. Eu vou fazer malhar pesado por 17 minutos. Eu estou fazendo isso pelo eu do futuro. O alarme toca e a cama está muito confortável? Foda-se o você do presente, essa é pro meu melhor amigo, para o eu do futuro. Eu vou levantar e caminhar 5 km (ou até mesmo 25 metros, não importa. Não pode ser um dia zero). NÃO SE ESQUEÇA DE AGRADECER AO SEU EU DO PASSADO por conseguir superar seus limites e sair da zona de conforto, tornando sua vida melhor. O ciclo de fazer algo por outra pessoa (você do futuro) e agradecer pelas coisas boas na sua vida (você do passado) é a chave pra construir gratidão e produtividade. Não duvide de mim. Com o tempo você vai deveria espalhar gratidão aos outros que te ajudaram no seu caminho.
Regra número três – não se preocupe eu vou colocar um “TL:DR” no final (pegue uma caneta e um papel para anotar. Sério. Você precisa fisicamente fazer marcas no papel). SE PERDOE. Sério mesmo. Talvez você tenha toda a capacidade, dinheiro, habilidade, força e talento pra você o que deseja. Mas vamos dizer que você ainda não conseguiu fazer. Agora você tá se colocando pra baixo por não fazer o que você precisava fazer, por não ser o que você queria ser. Levanta cabeça, princesa, se não a coroa cai. Se colocar pra baixo te prejudica e te torna menos produtivo. Se esforçou ao máximo pra não ter um zero day ontem e falhou? Qual o problema? Perdoe o você do passado. Eu perdoo você. Mas hoje? Hoje não pode ser um dia zero. Hoje vou me dedicar para que seja diferente. Essa é para o meu eu do futuro. Perdão, cara. Use. Eu perdoo você. Diga bem alto.
Última regra. Regra número quatro – É a mais fácil e são apenas três palavras. Exercício e livros. É isso. É um conselho bem básico mas quando você se exercita diariamente você se torna mais esperto. Quando você se exercita você produz endorfina (obrigado, corpo). Quando você se exercita sua mente fica mais leve. Quando você se exercita você está fazendo um grande favor ao seu você do futuro. Se exercitar é um dos pilares. Me entende? Assim como os livros. Quase a totalidade das coisas que nós pensamos, sentidos, passamos, queremos ou desejamos aprender a fazer já foi descoberto por outro alguém. Vá atrás de alguns livros. Postou no Reddit sobre não ligar mais sobre você? Bom primeiro passo (non zero day, obrigado ao eu do passado por ter escrito). Sabe o que mais você fazer? Leia sobre hábitos de pessoas bem sucedidas. Leia “Emotional Inteligence”. Leia “From good to great”. Leia “Thinking fast and slow”. Leia livros que vão te ajudar a entender. Leia sobre malhação e incorpore no seus treinos (Como andam suas flexões?) Ler é como o warp whistle do Super Mario 3. Te leva ao próximo nível muito mais rápido.
É isso, cara. Existe muito mais em tornar seus non zero days em grandes non zero days, mas essa não é tua missão por enquanto. Sua missão é non zero, perdão e favores. Você tem 36 redações pra fazer em 24 minutos e é impossível de conseguir? O seu eu do passado te desapontou mas calma... eu te perdoo. Dê o seu máximo nesses 24 minutos e siga em frente.
Eu espero que eu tenha te ajudado um pouco, Max. Eu conseguiria escrever sobre isso pra sempre, mas eu prometi a mim mesmo que iria fazer uma caminhada de 15 minutos enquanto ouço A. Skillz Beats Working Volume 3. Um último conselho. Independente de você ter lido ou não isso ter ajudado a melhorar seu dia, se você acordar amanhça e não conseguir lembrar das quatro regras, por favor, POR FAVOR, leia isso novamente.
Tenha um dia incrível ☺
TL;DR: 1. Tenha o máximo de non zero days que você conseguir; 2. Os três vocês, gratidão e favores. 3. Perdão 4. Exercícios e livros (que é uma maneria de dizer aprimoramento pessoa, tanto fisicamente, emocionalmente e mentalmente).
Wallpaper feita pelo aryeo representando os non zero days.
submitted by lucasduka to brasil [link] [comments]


2018.01.29 03:53 Nazzum Turismo por nuestra ciudad - Episodio 2: Comidas deliciosas para bolsillos estrechos.

La semana pasada hablamos de el Mercado Ferrando: Link al episodio 1 Y de cómo ofrecía la gastronomía de más alto nivel en la ciudad por un precio acorde. Bueno, hoy, para equilibrar la balanza de bolsillos, voy a hablar de lugares con precios más reducidos, pero con comidas imperdibles.
Parrilla Dos Patos: Para los amantes de la vaca, la parrilla Dos Patos ofrece una amplia variedad de cortes de carne y otros elementos de parrilla. La comida en el lugar es muy rica, pero no muy variada, puesto que sólo vamos a encontrar carne vacuna, porcina, morcilla y queso provolone. El lugar en sí no es muy cómodo ni agradable, es, y lo deja muy claro, un bar de barrio de los años setenta. Sin embargo, todo esto se tolera cuando se toma en cuenta el precio y la calidad de las comidas. Muy recomendado. Para los interesados, la parrilla Dos Patos está ubicada en Luis Alberto de Herrera 3551, casi llegando al Nuevocentro.
Restaurante Rodeo: Restaurante familiar de un precio mediano, ofrece una mayor variedad de comidas, ensaladas, pizzas, pastas y, su plato fuerte, empanadas. Las empanadas de Rodeo son conocidas en la zona del Prado por ser muy ricas sin ser muy caras. Como ya mencioné, Rodeo es un restaurante familiar, por lo que capaz que no sea el plato de comida más barato de la ciudad, pero es totalmente accesible para cualquier familia de clase media que quiera comer unas ricas empanadas sin quemarse el aguinaldo. Si te interesa visitar Rodeo, están en Ramón Márquez 11700 esq. Luis Alberto de Herrera.
Bar Castro: El Bar Castro sirve comidas variadas a un precio razonable, en el menú se incluyen milanesas, gramajos y pizzas, y, aunque probablemente sea la entrada más cara de la lista, aún así está entre la categoría de "precios razonables". Mi recomendación personal es la pizza, es rica, abundante y de un precio nada fuera de lo normal; eso sí, traé a un par de amigos porque la parte de "abundante" se la toman en serio, lo cual no está mal, pero el que avisa no es traidor. Si querés una salida con los amigos se encuentran en Camino Castro 845.
Mención especial - Cantón Chino. Muchos lo deben conocer, pero es de esos restaurantes que siempre los ves en las plazas de comidas y pensás "ah, capaz que la próxima vengo" mientras esperás en la cola del McDonald's. Todos sabemos que "La próxima" vas a volver al mismo McDonald's y mandarte una Pico Guacamole con salsa de bacon y cheddar y un refresco grande (¡Grosero!). Pero ahora en serio, es un lugar de comida china que no está mal, y es una mejora sobre la clásica "Big Mac a las cuatro de la tarde, porque estoy en el shopping y soy un adulto" Tú y yo sabemos que lo hacés porque mamá no te dejaba hacerlo.
submitted by Nazzum to uruguay [link] [comments]


2017.07.04 20:21 feedreddit Cibersegurança para todos: como proteger a privacidade de suas conversas com o Signal

Cibersegurança para todos: como proteger a privacidade de suas conversas com o Signal
by Micah Lee via The Intercept
URL: http://ift.tt/2tNJqLd
Video de Lauren Feeney
O conteúdo das suas conversas – sejam elas pessoais, profissionais ou políticas – pode ser alvo da espionagem de um governo local ou estrangeiro. Além disso, o envio de uma senha ou número de cartão de crédito pelo celular também pode ser interceptado por um criminoso. Ou então você pode querer se candidatar a um emprego sem o conhecimento do seu chefe atual; discutir um assunto delicado com um advogado; conversar com amigos sobre a ida a uma manifestação, um aborto ou a compra de uma arma; enviar fotos íntimas ao seu parceiro(a) sem que ninguém as veja; ou querer manter segredo sobre um novo relacionamento no trabalho. Esses são apenas alguns exemplos de como a privacidade pode ser importante.
Felizmente, a privacidade é um direito fundamental do ser humano.
Infelizmente, a maioria das ferramentas utilizadas para se comunicar via celular – ligações, mensagens de texto, e-mails, Facebook, Skype, Hangouts etc. – não são tão privadas como poderíamos pensar. Sua operadora de telefonia, seu provedor de internet e as empresas que criam os aplicativos que você usa para se comunicar podem interceptar o que você diz ou escreve. Seus bate-papos podem ser acessados pela polícia e por agências de espionagem como a NSA. Eles também podem ser vistos por _qualquer um_que pegar e vasculhar o seu telefone. Algumas mensagens podem ser lidas mesmo com o celular bloqueado, na tela de notificações.
Mas é possível garantir a privacidade das suas conversas. O primeiro passo é instalar um aplicativo chamado Signal – e seus contatos devem fazer o mesmo. Então é só configurar o programa para bloquear as ameaças.
O Signal é fácil de usar, funciona tanto no iOS – o sistema operacional dos celulares da Apple – quanto no Android – do Google – e criptografa suas mensagens de forma que apenas você e seu interlocutor possam decifrá-las. Além disso, ele é um software de código aberto, então qualquer especialista pode verificar se o programa é realmente seguro. O Signal pode ser baixado na Play Store do Android e App Store do iPhone.
Embora o Signal seja um software muito bem feito, você precisa fazer alguns ajustes para maximizar a segurança de suas conversas. Já escrevi sobre algumas dessas configurações no ano passado, mas o programa mudou muito desde então, e talvez você não conheça algumas de suas funcionalidades mais úteis.
Vou falar sobre elas em detalhes mais abaixo – e no vídeo acima, criado por Lauren Feeney.
Para ir diretamente a um item específico, clique no link correspondente abaixo:

Recomende o Signal a seus amigos

Você só pode enviar mensagens criptografadas e fazer ligações protegidas para outros usuários do Signal. Não adianta instalar o programa e continuar usando torpedos não criptografados para se comunicar. Faça com que seus amigos também instalem o aplicativo.
Se você é um ativista, recomende o Signal aos participantes da próxima reunião ou manifestação; se é jornalista, fale com suas fontes e editores; se está se candidatando a algum cargo político, use o Signal para se comunicar com sua equipe de campanha.

Bloqueie seu telefone

O Signal usa uma rigorosa criptografia de ponta-a-ponta, que, quando verificada, impede que o conteúdo das mensagens seja decifrado por um intermediário, como os criadores do Signal, operadoras de telefonia, provedores de internet – ou pela NSA e outras agências de espionagem que coletam dados em massa na internet.
Mas a criptografia do Signal não pode impedir que alguém pegue o seu telefone e abra o aplicativo para ler suas mensagens. Para isso, é preciso bloquear o acesso ao telefone com uma senha ou outra forma de autenticação. Você também deve habilitar a criptografia de dados do aparelho e atualizar o sistema operacional e aplicativos com frequência, pois isso dificulta consideravelmente a ação dos hackers.
No Android:
No iPhone:

Oculte as mensagens do Signal na tela de bloqueio

A criptografia do Signal será de pouca serventia se outras pessoas puderem ver as mensagens que você recebe na tela bloqueada do seu celular. Se o seu telefone costuma estar ao alcance de pessoas que não deveriam ler suas mensagens – colegas de quarto, colegas de trabalho e seguranças de aeroporto, por exemplo – desative a pré-visualização de mensagens do Signal na tela de bloqueio do telefone.
À esquerda, notificação do Signal em um iPhone bloqueado. À direita, notificação do Signal em um Android bloqueado.
Siga estes passos para desativar as notificações do Signal:
No Android:
No iPhone:
À esquerda: notificações do Signal oculta em um iPhone bloqueado. À direita: notificação do Signal oculta em um Android bloqueado.

Não guarde suas mensagens para sempre

Quando uma mensagem criptografada é enviada pelo Signal, apenas dois dispositivos guardam cópias do texto trocado: o seu celular e o do destinatário. Diferentemente de outros aplicativos de troca de mensagens, o servidor do Signal nunca tem acesso às mensagens, e os conteúdos criptografados permanecem online por muito pouco tempo. Isso significa que, quando você apaga uma mensagem do seu telefone – e o destinatário faz o mesmo – esse conteúdo deixa de existir. É uma boa ideia apagar seu histórico de mensagens frequentemente, principalmente quando se trata de conversas confidenciais. Dessa forma, se o seu telefone for vasculhado, as conversas de um ano atrás de que você nem se lembrava – e aquela conversa confidencial da semana passada – não serão encontradas.
O Signal permite programar a exclusão de mensagens depois de um certo tempo (entre cinco segundos e uma semana), tanto do telefone do remetente quanto do destinatário. Essa função se chama “Mensagens efêmeras”. Porém, nada impede que o seu interlocutor grave as mensagens antes que elas sejam excluídas – por meio de captura de tela, por exemplo.
Se você costuma mandar mensagens confidenciais para amigos ou grupos do Signal (vou falar sobre grupos mais adiante), recomendo ajustar a exclusão programada das mensagens para uma semana depois de lidas. Você também pode ativar as “mensagens efêmeras” para um contato e logo depois desativá-las, o que pode ser útil para o envio de uma senha, por exemplo.
No Android:
No iPhone:
Neste exemplo, as mensagens desaparecerão depois de cinco minutos.
Você também pode apagar manualmente mensagens individuais – ou mesmo conversas inteiras – do seu telefone. Mas você não pode, é claro, apagá-las do telefone do destinatário; isso só é possível com a opção “Mensagens efêmeras”.
No Android:
No iPhone:

Como enviar e receber fotos e vídeos privados

O Signal facilita o envio de fotos e vídeos criptografados – inclusive _gifs_animados. Quando estiver conversando com alguém, basta dar um toque no clipe de papel para abrir sua coleção de fotos ou acessar diretamente a câmera do celular.
O Signal também tem outro dispositivo de segurança: as fotos e vídeos gravados a partir do próprio aplicativo não são salvos automaticamente na memória do telefone. Da mesma forma, as fotos e vídeos que você receber também não serão gravados automaticamente. Se você quiser adicionar uma foto à coleção do celular, basta dar um toque longo na foto e salvá-la.
Por que isso é importante? Muitas pessoas sincronizam automaticamente fotos e vídeos com serviços de armazenamento em nuvem como iCloud, Google e outros. Elas também costumam permitir que aplicativos como Facebook e Instagram tenham acesso à galeria de imagens do telefone. Por mais cômodo que seja, isso significa que o provedor do serviço de armazenamento em nuvem também terá acesso às suas imagens, podendo entregar os dados a terceiros, como uma agência governamental. Da mesma forma, suas imagens podem ser acessadas por hackers, como em 2014, quando fotos de celebridades nuas foram publicadas na internet depois de um ataque a suas contas no iCloud.
Portanto, se você fotografar um documento confidencial para um jornalista – ou tirar uma _selfie_sensual para o(a) namorado(a) –, envie as fotos diretamente pelo Signal, que é capaz de criptografar uma imagem da mesma forma que uma mensagem de texto.

Como criar grupos de discussão seguros

Para mim, uma das funcionalidades mais úteis do Signal é a possibilidade de criptografar uma conversa em grupo. Qualquer pessoa pode criar um grupo no Signal e adicionar quantas pessoas quiser; as mensagens de todos os membros serão criptografadas. Assim como nas conversas individuais, você pode habilitar a exclusão programada de mensagens, fotos e vídeos. Veja alguns exemplos de situações em que os grupos do Signal podem ser úteis:
Veja como usar os grupos do Signal:
No Android:
No iPhone:
Os grupos do Signal são úteis, mas não são perfeitos. Os problemas podem ser resolvidos em versões futuras, mas, por enquanto, são os seguintes:

Como fazer chamadas de voz e vídeo seguras

Além de permitir o envio de mensagens de forma segura, o Signal também pode ser usado para fazer ligações criptografadas de voz e vídeo. Basta selecionar o ícone de telefone para ligar para um contato. Trata-se de uma ligação telefônica normal, mas com a segurança da criptografia de ponta-a-ponta. Para iniciar uma chamada de vídeo, toque no ícone de câmera durante a ligação para ativar a câmera – simples assim.
Durante uma chamada de voz ou vídeo, seu interlocutor pode ver o seu endereço IP, o que pode ser utilizado para determinar a sua localização. Na maioria das vezes isso não importa, mas às vezes pode ser um problema – se você não quiser revelar de que país está ligando, por exemplo. Nesses casos, é possível redirecionar a ligação através dos servidores do Signal, fazendo com que o único IP visível no outro lado da linha seja o do próprio Signal. Essa função diminui ligeiramente a velocidade da conexão, o que pode reduzir a qualidade da ligação. Veja como habilitá-la:
No Android:
No iPhone:

Como enviar mensagens sem adicionar o destinatário aos contatos

A maioria das pessoas sincroniza seus contatos com o iCloud, Google, a empresa em que trabalham ou outros serviços de nuvem. Isso é muito conveniente; se você perder o telefone e comprar um novo, poderá recuperar seus contatos. Porém, isso quer dizer que sua lista de contatos pode ser acessada pelos provedores do serviço de sincronização, que, por sua vez, podem fornecer os dados para a polícia ou agências governamentais.
Você pode querer conversar com certos contatos de maneira segura, mas sem adicioná-los à sua lista de contatos. Por exemplo, se você quiser vazar uma informação para um jornalista sem ser investigado por isso, é melhor não salvar o número do repórter na nuvem.
O Signal permite que você converse com pessoas que não estão na sua lista de contatos. Para fazer isso, abra o aplicativo, selecione o ícone de caneta para iniciar a conversa e digite o número de telefone no campo de busca. Se a pessoa em questão for usuária do Signal, você poderá trocar mensagens criptografadas com ela sem ter que adicioná-la aos seus contatos.

Use números de segurança para se proteger de ataques

Esta seção pode parecer um pouco confusa – o funcionamento da criptografia é uma coisa meio complicada mesmo. Mas o mais importante aqui é aprender como verificar os números de segurança.
Mais acima, eu disse que o Signal garante a privacidade das suas conversas quando devidamente verificado. Para usar o Signal corretamente, é preciso verificar se suas comunicações não estão sendo interceptadas em um ataque man-in-the-middle.
Um ataque man-in-the-middle(“homem no meio”, em tradução literal) acontece quando duas pessoas – Alice e Bob, por exemplo – pensam que estão conversando diretamente uma com a outra, mas, em vez disso, tanto Alice quanto Bob estão conversando com um intermediário, que intercepta tudo o que está sendo dito. Para proteger totalmente as suas conversas, é preciso verificar se a troca de informação criptografada está sendo feita diretamente com seus contatos, e não com algum impostor.
Você tem um “número de segurança” em comum com cada contato do Signal. Por exemplo, Alice tem um número de segurança em comum com Bob e outro com Charlie. Quando Alice liga para Bob, se o número de segurança que aparecer no celular de ambos for igual, isso significa que a conexão é segura. Porém, se os números forem diferentes, tem alguma coisa errada; talvez Alice ou Bob estejam vendo o número de segurança que têm em comum com o interceptador, o que explicaria a discrepância.
É improvável que alguém tente atacar a sua conexão _na primeira vez_que você entrar em contato com um amigo. Por isso, o Signal considera como seguro o primeiro número de segurança atribuído para cada contato. Mas, se o conteúdo da conversa for confidencial, é melhor confirmar assim mesmo.
Para verificar a integridade da criptografia, acesse a tela de verificação da seguinte forma:
À esquerda: tela de verificação do número de segurança no iPhone. À direita: tela de verificação do número de segurança no Android.
Existem algumas maneiras de verificar com um amigo se seus números de segurança são iguais. A mais fácil é presencialmente, juntos no mesmo lugar, mas também é possível fazê-lo à distância.
Como verificar um contato presencialmente
Se você puder se encontrar com seu contato, basta escanear o código QR (um código de barras quadrado) dele. No Android, toque no círculo com o código para escanear; no iPhone, selecione o ícone “Escanear código”. Aponte a câmera para o código QR de seu amigo: se o processo for completado normalmente, isso significa que a criptografia é segura.
Como verificar um contato à distância
Se vocês não puderem se encontrar pessoalmente, é possível verificar os números de segurança à distância, embora o processo seja um pouco trabalhoso.
Você e seu contato devem enviar o número de segurança por meio de um canal externo – ou seja, por fora do Signal. Envie uma mensagem no Facebook, Twitter, um e-mail ou faça uma ligação telefônica – ou então use outro aplicativo de mensagens criptografadas, como WhatsApp ou iMessage. Se estiver realmente preocupado com uma possível interceptação, recomendo fazer uma ligação; se você conhece a voz do seu contato, é muito difícil alguém se fazer passar por ele.
Quando seu contato receber seu número de segurança, ele deverá acessar a tela de verificação e comparar – algarismo por algarismo – o que você enviou com o que ele está vendo. Se os números forem idênticos, a conexão é segura.
Tanto no Android quanto no iPhone, você pode tocar no botão de compartilhamento na tela de verificação para enviar o número de segurança via outros aplicativos ou copiá-lo para a área de transferência do telefone.
Verifique novamente contatos que trocarem de telefone
De vez em quando, você pode ver a seguinte mensagem no Signal: “Número de segurança modificado. Toque para verificar.” Isso pode signifcar uma das duas seguintes possibilidades:
  1. Seu contato instalou novamente o Signal, provavelmente por ter comprado um novo telefone.
  2. Alguém está tentando interceptar suas conversas.
A segunda alternativa é menos provável, mas a única maneira de ter certeza é verificar novamente o número de segurança com o seu contato.

Como usar o Signal no seu computador

Embora seja necessário instalar o Signal no celular para começar, também é possível instalar o aplicativo no seu computador. O programa não tem todas as funcionalidades da versão para celular – ainda não é possível fazer chamadas ou modificar grupos –, mas pode facilitar muito a vida de quem usa o Signal. Principalmente se, assim como eu, você passa o dia inteiro na frente do computador e precisa do Signal para trabalhar.
Trata-se de uma extensão para o navegador Chrome. Ou seja, primeiro é preciso instalar o Chrome no seu computador. Só então você pode baixar o Signal na Chrome Web Store. Ao executar o programa pela primeira vez, siga as instruções na tela para conectá-lo ao Signal do seu smartphone.
No entanto, instalar o Signal no seu computador proporciona mais uma possibilidade de ataque e interceptação de dados. Quando você usa o Signal apenas no telefone, se alguém quiser ler suas conversas, ele terá que hackear o seu celular. Mas se você também usa o aplicativo no computador, um hacker pode atacar _tanto o seu telefone quanto o seu computador_– o que for mais fácil. Por causa das diferenças na arquitetura dos sistemas operacionais de celulares e computadores, o mais provável é que o seu computador seja o alvo mais fácil.
Além disso, seus dados do Signal são armazenados de forma mais segura no telefone. No Android e no iOS, suas mensagens – e chave criptográfica – são armazenadas pelo próprio Signal, e outros aplicativos não têm acesso a elas. Já no Windows, MacOS e Linux, esses dados são guardados em uma pasta do seu disco rígido, e praticamente _todos_os seus aplicativos têm acesso a ela. Portanto, em certas situações, talvez o mais prudente seja não instalar o Signal no computador.
Tradução: Bernardo Tonasse
The post Cibersegurança para todos: como proteger a privacidade de suas conversas com o Signal appeared first on The Intercept.
submitted by feedreddit to arableaks [link] [comments]


2015.01.14 22:48 LaMamaDeGanarElCIelo Hola a todos. Soy la mamá de Anuae (alias “GanarElCielo”) y quiero pedir perdón.

Sí, ya sé que es muy triste tener que pedir, pero más triste es lo que le sucede a mi hijo, lo cual os voy a relatar de manera resumida, con el fin de que seáis comprensivos con él, pues mi hijo necesita mucha, mucha, mucha pero mucha comprensión.
Resulta que mi hijo no solo es un gran aficionado a la saga de “El Señor de los Anillos” (de ahí su tremenda afición a hacer el troll a la menor oportunidad que se le presenta), sinó que también es un pobre fracasado incapaz de conseguir nada en la vida. Aunque ronda los 30 años, tengo que seguir manteniéndolo, porque no fue capaz de conservar el puesto de limpia retretes del MacDonald donde mi cuñada lo enchufó (dijeron que el puesto le venía grande). Su vida social -y ya no digamos la sexual- es inexistente, porque al ser jorobado de nacimiento y tremendamente feo (aunque para una madre no hay hijo feo... este es la excepción) no tiene ni un solo amigo, y se pasa todo el día metido en Internet, siendo asiduo de forocoches, pertardas.com (le encanta la sección de transexuales), http://mundoconspiranoico.blogspot.com.es y, ahora, también de Plaza Podemos. Cuando se intentó unir al partido España 2000 -ese que conoce tan bien- lo vetaron por canijo, y aunque con gran entusiasmo se apuntó al gimnasio del Sr. José Luis Roberto, este lo expulsó por no ser capaz ni de levantar la mancuerna más pequeña que tenían, una de 500 gramos diseñada para niños con problemas de motricidad. Su único “logro” en la vida (además de ser capaz de encontrar por si mismo el camino a casa 2 de cada 5 veces que lo intenta) fue la página de facebook https://www.facebook.com/A.N.usuariosarmas.anua?ref=ts&fref=ts , que solo tardó 22 meses en crear (lo mismo que dura el parto de una elefanta, sí).
Por lo que os acabo de contar, ya podéis haceros una idea de que la vida de mi hijo no solo es tremendamente desgraciada, sino también ridícula. Por eso, cuando descubrió que en esta página podía inscribirse las veces que quisiera, continuamente, con distintos nicks, para abrir temas, publicar sus imaginativas aunque pueriles ocurrencias, y responderse a si mismo como si fuera otras persona, no se lo pensó dos veces y se puso manos a la obra. De hecho, estos últimos dos días no se ha movido de delante del ordenador ni para ir a hacer de vientre (se lo hizo en el pañal), pues desde que abrió este hilo no hizo más que utilizar sus distintas cuentas para votarse a si mismo, continuamente, casi con obsesión, con el fin de elevarlo y poder darse un onanístico homenaje.
Por todo ello, espero de corazón que seáis comprensivos con él, que perdonéis sus burdos intentos de llamar la atención, sus patrañitas y su manera de actuar.
Por favor, ayudadle, realmente lo necesita.
submitted by LaMamaDeGanarElCIelo to podemos [link] [comments]


Mostrar archivos ocultos en Mac The Wee Amigos 'Say You Love Me' - YouTube PELICULA MI AMIGO MAC COMPLETA EN ESPAÑOL - YouTube Carlos Vives - Cuando Nos Volvamos a Encontrar ft. Marc ... YUNG SARRIA - Cero Amigos - YouTube Localizar o MAC ADRESS no aplicativo SMART IPTV - YouTube

  1. Mostrar archivos ocultos en Mac
  2. The Wee Amigos 'Say You Love Me' - YouTube
  3. PELICULA MI AMIGO MAC COMPLETA EN ESPAÑOL - YouTube
  4. Carlos Vives - Cuando Nos Volvamos a Encontrar ft. Marc ...
  5. YUNG SARRIA - Cero Amigos - YouTube
  6. Localizar o MAC ADRESS no aplicativo SMART IPTV - YouTube

Fala galera, tudo bem com vocês? Este Vídeo tem como objetivo esclarecer e ajudar pessoas que possuí o aplicativo Smart iptv instalado em sua tv, e está com ... Carlos Vives feat. Marc A ?Cuando Nos Volvamos a Encontrar? ? Official VideoMusic video by Carlos Vives feat. Marc Anthony performing Cuando Nos Volvamos a E... En este video tutorial les enseñaré como mostrar los archivos y carpetas que están ocultos en su Mac Comandos para MOSTRAR los archivos: defaults write com.apple.finder AppleShowAllFiles TRUE ... Yung Sarria - Cero amigos Dir: #DavidPatron Prod. by Slex - Bd Visual - Cut Out © 2019 Dbtrap Records #DBT Película estadounidense del año 1988, dirigi... The Wee Amigo 'Say You Love Me' A Steve Bloor Media Video Production. Ben Troy (Monaghan Ireland), Gerald Ahern (Cork Ireland) & Simon Peters (Lifford Ireland).